UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 18 de Junho de 2024

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: LUCAS WENDEL SILVA SANTOS
16/10/2020 16:38


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUCAS WENDEL SILVA SANTOS
DATA: 12/11/2020
HORA: 14:00
LOCAL: On-line
TÍTULO: TEATRO COMO RECURSO DE COMUNICAÇÃO E INCLUSÃO
PALAVRAS-CHAVES: Autismo. Teatro. Corpo. Inclusão. Comunicação.
PÁGINAS: 154
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

O Teatro constitui um campo artístico de diferentes linguagens e técnicas. Oensino de Teatro nos diferentes graus de ensino é um grande desafio que vemsendo discutido academicamente. Desta maneira, e importante aprofundar asexperiências teatrais educativas para além das datas comemorativas e fazer doteatro parte da vida social das pessoas. Quando se fala de Teatro de Animaçãono contexto da inclusão percebemos que há uma lacuna no conhecimento e aoafunilar este processo atrelado ao ensino de teatro de bonecos para criançascom autismo percebemos que as discussões precisarão ser mais consistentese críticas. Assim, este trabalho pretende compreender como o teatro e os jogosteatrais, numa perspectiva inclusiva, podem contribuir para o desenvolvimentoda comunicação da pessoa com autismo. Trata-se de uma pesquisa qualitativa,cuja metodologia utilizada é a pesquisa-ação no contexto da arte-educação. Foirealizada de X a X, semanalmente, integrando um total de X encontros. Otrabalho foi dividido entre as observações das sessões terapêuticas defonoaudiologia do GEPELC/UFS e as intervenções teatrais com Teatro deAnimação. Para a efetivação da pesquisa, os instrumentos de coleta de dadosforam a observação participante, diário de bordo, intervenção com jogosteatrais, gravação em vídeo e entrevistas semi-estruturadas. Como resultadoparcial foi percebido que é possível vincular o ensino de Teatro de Animaçãocom a Comunicação Alternativa e Ampliada para o trabalho com crianças comautismo.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1771104 - GERSON PRAXEDES SILVA
Interno - 2285496 - MARILENE BATISTA DA CRUZ NASCIMENTO
Presidente - 2570236 - ROSANA CARLA DO NASCIMENTO GIVIGI

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2024 - UFRN v3.5.16 -r19279-bcba364a3c