UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 26 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MARCIO ROQUE DOS SANTOS DA SILVA
19/08/2020 09:46


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARCIO ROQUE DOS SANTOS DA SILVA
DATA: 02/09/2020
HORA: 14:00
LOCAL: https://meet.google.com/suf-pdyo-uxh
TÍTULO: INOVAÇÃO ORGANIZACIONAL NO STRICTO SENSU EM ADMINISTRAÇÃO DAS IES PÚBLICAS DO NORDESTE BRASILEIRO: uma análise a partir da Autoavaliação e Aprendizagem Organizacional
PALAVRAS-CHAVES: Autoavaliação. Inovação Organizacional. Sistema de Avaliação da pós-graduação. Aprendizagem Organizacional.
PÁGINAS: 120
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
SUBÁREA: Administração Pública
ESPECIALIDADE: Organizações Públicas
RESUMO:

O Sistema de Avaliação da pós-graduação stricto sensu brasileira tem o papel de realizar o acompanhamento sistemático dos Programas de Pós-Graduação (PPGs), com vistas à manutenção dos padrões de qualidade do ensino e da produção científica mediante a expansão e consolidação do Sistema Nacional de Pós-Graduação (SNPG) brasileiro. Nos últimos anos, o Sistema de Avaliação vem passando por transformações em consonância com as políticas presentes no Plano Nacional de Pós-Graduação (PNPG, 2011-2020) que indicam o contínuo aperfeiçoamento do processo avaliativo, a despeito das suas inconsistências, distorções e críticas, adaptando-se às necessidades contextuais. A partir de 2018, a Autoavaliação passou a ser um critério obrigatório analisado no âmbito da nova Ficha de Avaliação, influenciando os processos organizacionais dos Programas, que precisaram estabelecer as políticas necessárias à condução de um processo autogerido de reflexão interna, de caráter formativo e de aprendizagem. É prudente inferir que inovações organizacionais podem ser observadas em função do resultado desse processo; ambos permeados pela Aprendizagem Organizacional, enquanto fluxo dinâmico e multinível de construção do conhecimento organizacional. Na região Nordeste do Brasil, existem 16 PPGs acadêmicos na área de Administração, dos quais 75% estão na rede pública; 50% possuem nota 4, 31% nota 3, 13% nota A e 6% possui nota 5, evidenciando uma concentração de cursos com notas baixas e reforçando a necessidade de estabelecer avanços qualitativos. Diante disso, o objetivo geral deste projeto de pesquisa é compreender como a Autoavaliação promove ou inibe a Inovação Organizacional, mediada pela aprendizagem, nos Programas de Pós-Graduação stricto sensu em Administração das Instituições de Ensino Superior públicas do Nordeste brasileiro. Propõe-se uma análise crítico-interpretativa por meio de uma investigação de abordagem qualitativa, natureza aplicada e finalidade descritiva, tendo como estratégia de pesquisa um estudo de múltiplos casos com cinco PPGs stricto sensu em Administração das instituições públicas de ensino dessa região. As fontes de evidências incluirão entrevistas com os coordenadores dos Programas e análise documental dos relatórios disponíveis na Plataforma Sucupira. Pretende-se contribuir com as discussões recentes sobre inovação em organizações públicas, particularmente em PPGs, visto que reconhecer os fatores promotores e inibidores pode ajudar a desmistificar os aspectos subjacentes que influenciam o processo inovativo nessas organizações. Os resultados podem contribuir, ainda, para fomentar melhorias no âmbito da gestão organizacional dos Programas e no auxílio ao desenvolvimento de políticas públicas que promovam melhores condições de aperfeiçoamento qualitativo do SNPG.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ALKETA PECI
Interno - 1791750 - FLORENCE CAVALCANTI HEBER PEDREIRA DE FREITAS
Presidente - 1224228 - MARIA CONCEICAO MELO SILVA LUFT
Interno - 1662887 - MARIA ELENA LEON OLAVE

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5