UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 28 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de DEFESA: NADJA TAMIRES BORGES BARBOSA
06/08/2020 12:21


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: NADJA TAMIRES BORGES BARBOSA
DATA: 20/08/2020
HORA: 14:00
LOCAL: https://meet.google.com/nut-pzmp-kfu
TÍTULO: Filme de partículas de cálcio como fotoproteção e economia de água na videira (Vitis labrusca L.)
PALAVRAS-CHAVES: Vitis labrusca, óxido de cálcio, ecofisiológia, restrição hídrica, trocas gasosas, OJIP.
PÁGINAS: 82
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Agronomia
RESUMO:

Nos últimos anos a viticultura na região Nordeste do Brasil vem apresentando considerável expansão. No entanto, devido as mudanças climáticas, como baixo índice pluvial, alta irradiância e uma elevada demanda evaporativa, intensificam ainda mais os efeitos adversos no crescimento e desenvolvimento das plantas. Para amenizar esse cenário, a tecnologia de filme de partículas tem sido reconhecida como uma estratégia promissora para o alívio sustentável do estresse abiótico e condições adversas no cultivo da videira. Dessa forma, o objetivo desse estudo foi investigar os efeitos da aplicação de filme de partículas de cálcio na cv. Isabel Precoce, a fim de avaliar o desempenho fisiológico e a produtividade da vinha submetida à diferentes regimes hídricos sob condições de verão do Nordeste brasileiro. O experimento de campo foi conduzido na área experimental da Universidade Federal de Sergipe, no município de São Cristóvão – SE no segundo ciclo reprodutivo da videira, e foi realizado como delineamento em blocos casualizados, com quatro tratamentos: i) 65% da evapotranspiração da cultura (ETc) com filme de partículas de cálcio (7% p/v); ii) 65% da ETc sob pleno Sol; iii) 100% da ETc com filme de partículas de cálcio (7% p/v) e iv) 100% da ETc sob pleno Sol (controle) (n=4), aplicados durante o estádio fenológico de frutificação até a colheita. Para isso, foram determinados o potencial hídrico foliar, trocas gasosas, teor relativo de água, fluorescência transiente da clorofila a, índices de clorofila Falker, luminosidade, os sólidos solúveis totais, pH, acidez total, firmeza das bagas e produtividade da videira. Os resultados mostraram que o filme proporcionou efeitos de sombreamento nas folhas, fotoproteção e aumentos nos índices de clorofila. A emissão da curva OJIP foi reduzida nas videiras com filme, melhorando o metabolismo energético da fotossíntese e proporcionando a maior eficiência dos fluxos de elétrons energizados pelos fotossistemas e pela cadeia de transporte de elétrons, principalmente no horário de maior radiação solar. O potencial hídrico e a produtividade aumentaram nas plantas com filme, destacando a economia de água em até 35% para o tratamento com 65% da ETc com filme. Outros resultados observados para as plantas com 65% da ETc, foram nos aumentos dos valores da taxa fotossintética (A), reduções na condutância estomática (gs) e taxa de transpiração (E) e aumentos na eficiência do uso da água, melhorando o desempenho fisiológico plantas, esses resultados são fortalecidos pela avaliação do parâmetro de teor relativo de água (TRA), onde os tratamentos com filme foram capazes de reduzir a perda de água nos tecidos foliares da videira. Porém, os resultados dos aspectos físico-químicos não diferiram entre os tratamentos mantendo a qualidade dos frutos, no entanto, as videiras tratadas com filme tiveram aumentos na produtividade. Sendo assim, o filme de partículas de cálcio associado ao menor regime hídrico pode ser indicado como uma alternativa eficaz para viticultura sustentável, amenizando os efeitos das mudanças climáticas nas videiras e mantendo a produtividade.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - LIA-TÂNIA ROSA DINIS
Presidente - 1562875 - LUIZ FERNANDO GANASSALI DE OLIVEIRA JUNIOR
Interno - 1460010 - MARCELO AUGUSTO GUTIERREZ CARNELOSSI

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16104-201f40f5e2