UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 22 de Junho de 2021


Notícias

Banca de DEFESA: MARINUZIA SILVA BARBOSA
16/04/2020 21:30


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARINUZIA SILVA BARBOSA
DATA: 30/04/2020
HORA: 09:00
LOCAL: Laboratório de Flavor e Análises Cromatográficas - Videoconferência
TÍTULO: GROSELHA ÁCIDA (Phyllanthus acidus L.): PERFIL DOS COMPOSTOS VOLÁTEIS E CARACTERIZAÇÃO DOS COMPOSTOS BIOATIVOS EM TRÊS ESTÁDIOS DE MATURAÇÃO
PALAVRAS-CHAVES: Phyllanthus acidus; Compostos voláteis; Compostos bioativos; GC-MS, LC-DAD.
PÁGINAS: 76
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Ciência e Tecnologia de Alimentos
SUBÁREA: Ciência de Alimentos
ESPECIALIDADE: Química, Física, Fisico-Química e Bioquímica dos Alim. e das Mat-Primas Alimentares
RESUMO:

A groselha ácida (Phyllanthus acidus L.) é uma fruta tropical de sabor ácido e aroma característico. Geralmente, encontrada em países tropicais e subtropicais da África, Ásia, América do Sul e Índias Ocidentais. A forma de consumo pode ser in natura, ou processada em pós, extratos e como ingrediente de diversos produtos. Apesar de ser considerada rica em altos teores de ácido ascórbico, fibras e compostos bioativos, ainda existe uma lacuna científica em estudos que relatem tanto a composição bioativa, como a composição de compostos voláteis durante os estádios de maturação. Portanto, o objetivo desse trabalho foi realizar a caracterização física, físico-química, composição volátil e a composição bioativa da groselha ácida em três estádios de maturação. Foram analisadas características físico-químicas através de análises de acidez, pH, sólidos solúveis, lipídios, proteínas, cinzas e umidade. Os compostos bioativos e a atividade antioxidante foram determinados por meio de ensaios espectrofotométricos e HPLC (cromatografia líquida). A determinação do perfil volátil foi realizada por meio da técnica de SPME (Solid Phase Micro Extraction) e cromatografia a gás acoplada a um espectrômetro de massa. Para as avaliações físicas as polpas de groselha nos três estádios de maturação mostraram que durante a evolução do processo de maturação houve aumento no comprimento vertical das frutas onde foram obtidos 0,996, 1,252 e 1,663 cm para verde, “de vez” e maduro, respectivamente e um crescimento horizontal 1,197, 1,662 e 2,100 cm, respectivamente. A textura da groselha nos três estádios de maturação foi 8,79, 4,96 e 4,29 para verde, “de vez” e maduro, respectivamente, mostrando que à medida que assim o processo de maturação aumenta, o grau de dureza da groselha diminui. Na caracterização físico-química, parâmetros como pH e acidez não apresentaram diferença significativa para os três estádios de maturação. Enquanto que, para sólidos solúveis os valores encontrados foram diferentes estaticamente entre os três estádios de maturação. Características como proteínas, lipídios, cinza e umidade apresentaram diferença significativa entre os estádios de maturação, sendo que o estádio de maturação foi o que apresentou as maiores diferenças em relação ao outros estádios. As concentrações de compostos bioativos (fenólicos totais e flavonoides) apresentaram os valores maiores quando a groselha ácida encontrava-se verde com valores de 109,51 mgEAG/100g para fenólicos totais e 162,70 mgQUER/100g para flavonoides totais. Foram identificados por HPLC os seguintes ácidos orgânicos: ácido oxálico (6,550 – 8, 346 mg/g), ácido quínico (68,747 – 116,389 mg/g), ácido acético (0,946 - 0,981 mg/g), ácido succinico (0,766 - 0,855 mg/g). Para os compostos voláteis foram identificados 38 compostos voláteis para o estádio de maturação verde, onde foram 7 álcoois, 4 aldeídos, 2 ácidos, 1 cetona e 25 terpenos. Para o estádio “de vez” foram identificados 45 compostos voláteis, onde 10 são álcoois, 7 aldeídos, 3 ácidos, 1 cetona e 25 terpenos enquanto apenas 26 compostos voláteis foram identificados no estádio maduro, onde 7 álcoois, 2 aldeídos, 1 cetona e 17 terpenos.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2481282 - ALESSANDRA ALMEIDA CASTRO PAGANI
Externo ao Programa - 1835499 - JOAO ANTONIO BELMINO DOS SANTOS
Presidente - 6330812 - NARENDRA NARAIN

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r15440-bf36319aa9