UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 25 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: RENATA CARINE TÔRRES DE LIMA
10/03/2020 15:55


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RENATA CARINE TÔRRES DE LIMA
DATA: 12/03/2020
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do DTA/UFS
TÍTULO: ESTUDO DE VIABILIDADE DA INDICAÇÃO GEOGRÁFICA (IG) DA CARNE DE SOL DA CIDADE DE CAMPO MAIOR – PI
PALAVRAS-CHAVES: Indicação Geográfica; Carne de sol; Campo Maior.
PÁGINAS: 71
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

A busca por suprimentos alimentares, assim como formas e meios de conservar os alimentos por períodos prolongados, remonta tempos pré-históricos, um dos primeiros métodos eficazes de conservar os alimentos foi por meio de sua exposição, com ou sem salga prévia, aos raios solares, que além de conservar o produto também altera suas características sensoriais, tornando-o mais agradável ao paladar humano. No Estado do Piauí e em muitas cidades brasileiras, o município de Campo Maior é conhecido como a “terra da carne de sol”, onde, durante o período de povoamento foi ocupada em virtude de suas características naturais, propícias à criação do gado e a fixação humana. Devido à disponibilidade precária/inexistente de energia elétrica, a carne era conservada com sal e exposta ao sol, para desidratar e prolongar o armazenamento da matéria prima. A Propriedade Intelectual (PI) corresponde ao ramo do direito cuja principal finalidade é a proteção das criações desenvolvidas através da ação humana. A Indicação Geográfica (IG) caracteriza-se como um importante instrumento de proteção aos produtos e contribui potencialmente com o desenvolvimento local, bem como, na preservação da tradição e do patrimônio histórico-cultural. No Brasil, a certificação por IG é obtida mediante registro no Instituto Nacional de Propriedade Industrial – INPI, podendo o produto ser certificado como Denominação de Origem (DO) ou como Indicação de Procedência (IP). A Indicação de Procedência assume o papel de identificar produtos com notoriedade reconhecida pelo público em geral, sendo necessário que haja forte tradição local na produção de determinado produto ou serviço. Sendo assim, o objetivo da presente pesquisa é de analisar sob a perspectiva da IG o potencial diferencial do produto carne de sol do Município de Campo Maior-PI, através da modalidade IP, tendo em vista que seu diferencial se encontra diretamente relacionado a tradição local de produção da carne.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2573323 - ANA KARLA DE SOUZA ABUD
Presidente - 1835499 - JOAO ANTONIO BELMINO DOS SANTOS
Externo ao Programa - 1548928 - PATRICIA BELTRAO LESSA CONSTANT

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16104-201f40f5e2