UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 30 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: MARGARETH DE SOUZA COSTA
06/02/2020 10:33


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARGARETH DE SOUZA COSTA
DATA: 17/02/2020
HORA: 09:00
LOCAL: Sala 47 do Bloco Departamental do CCSA2- Sala 47- PROPADM
TÍTULO: SUSTENTABILIDADE EM PEQUENAS EMPRESAS INOVADORAS: UM ESTUDO COM OS CASOS DE SUCESSO DO PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO
PALAVRAS-CHAVES: Inovação; Inovação sustentável; Radar da Inovação; Sustentabilidade.
PÁGINAS: 117
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
RESUMO:

Inseridas em mercados competitivos, as pequenas empresas tradicionais dependem cadavez mais de inovação para garantir a sua sobrevivência e seu sucesso. Assim, comoforma de estímulo ao desenvolvimento das pequenas empresas, foi criado o ProgramaAgentes Locais de Inovação (ALI) promovido pelo SEBRAE. Dessa forma, o SEBRAE(2010) estabeleceu, como uma das diretrizes estratégicas do programa ALI, desenvolverprojetos que promovam a inovação na empresa de pequeno porte. Vale destacar que aferramenta do programa ALI se chama Radar da Inovação, sendo fundamental paramensurar a inovação nas empresas participantes do programa, como também foi defundamental importância para a presente pesquisa. Ao observar o problema de pesquisa,foram formulados os objetivos que a priori foi verificar, com base nas relações entre oRadar da Inovação; a inovação e a sustentabilidade, a inovação sustentável naspequenas empresas do programa ALI em Sergipe. Para tanto, a fundamentação dopresente estudo se baseou em: sustentabilidade; inovação; pequena empresa e nasrelações realizadas entre o Radar da Inovação; bem como a inovação proposta pelo
Manual de Oslo e a sustentabilidade, conforme o triple botton line. No tocante aosprocedimentos metodológicos, em especial à caracterização do estudo, a presentepesquisa se caracterizou como quantitativa e qualitativa. Com relação à análise dosresultados, a parte quantitativa do estudo foi elaborado com base na relação estabelecidado Radar da Inovação e a sustentabilidade. Já a parte qualitativa da pesquisa foielaborada com base na relação entre o Radar da Inovação e a inovação proposta peloManual de Oslo. Vale ressaltar que na parte qualitativa também foram realizadasentrevistas com 7 empresas casos de sucesso do programa ALI em Sergipe, sendo que abase dos questionamentos das entrevistas semiestruturadas foi feita de acordo com oCubo de Inovação Sustentável (CIS), proposto por Hansen, Grosse-Druker e Reichwald(2009). Além disso, as informações das entrevistas foram inseridas e interpretadas como auxílio do software Iramuteq, que é um software de análises textuais. Com relação aosoftware, foram feitas as análises de similitude e com o intuito de complementar oestudo realizou-se também nuvem de palavras. Por fim, relacionadas às conclusões,observou-se que as empresas que fizeram parte da pesquisa realizaram, de acordo comas relações explicitadas na pesquisa, a inovação sustentável.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ANDREA CRISTINA DOS SANTOS
Interno - 6252676 - DEBORA ELEONORA PEREIRA DA SILVA
Presidente - 2501207 - VERUSCHKA VIEIRA FRANCA

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12838-31cfbbda77