UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 05 de Dezembro de 2022

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: BRUNO RAFAEL DOS SANTOS SILVA
11/11/2019 10:11


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: BRUNO RAFAEL DOS SANTOS SILVA
DATA: 13/11/2019
HORA: 11:00
LOCAL: Sala de Seminários do PEQ
TÍTULO: ESTUDO DA SECAGEM DE BAGAÇO DE LARANJA EM LEITO FLUIDIZADO ASSISTIDO PELO USO DE SÓLIDOS INERTES: CINÉTICA DO PROCESSO E AVALIAÇÃO ENERGÉTICA
PALAVRAS-CHAVES: biomassa, misturas binárias, análise energética
PÁGINAS: 21
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Química
SUBÁREA: Operações Industriais e Equipamentos para Engenharia Química
ESPECIALIDADE: Operações de Separação e Mistura
RESUMO:

A palavra sustentabilidade ganha cada vez mais força no cenário atual, sendo que as perspectivas são de que as tradicionais fontes não renováveis de energia venham a se tornar escassas, além de estarem intimamente ligadas à problemática ambiental. Neste contexto, as fontes alternativas de energia vêm ganhando cada vez mais destaque, como a biomassa proveniente de resíduos agroindustriais. Dentre estes, o bagaço de laranja aparece como uma potencial biomassa para a geração de energia. Porém, qualquer biomassa, antes de ser submetida a um processo de conversão térmica para gerar bioenergia, precisa passar por uma etapa preliminar de secagem, a qual desempenha um papel fundamental no balanço energético de plantas de biomassa. Isto tem motivado a busca por tecnologias de secagem mais eficientes. Logo, o presente trabalho teve como objetivo investigar a aplicação de um secador de leito fluidizado assistido pelo uso de sólidos inertes (areia) para a secagem de de bagaço de laranja , avaliando a influência da fração de biomassa, temperatura e vazão do ar sobre a cinética de secagem e efetuando uma avaliação energética do processo a fim de avaliar a sua viabilidade. Os tempos de secagem variaram de 17 a 53 minutos, com coeficientes de difusão efetiva variando de 2,73 a 6,20x10-11 m2s-1. O secador teve baixa eficiência (4-32%) e altos CEE (média de 1,9x105 kJ/kg) e o processo se mostrou inviável do ponto de vista de geração de energia nas condições estudadas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1452214 - MANOEL MARCELO DO PRADO
Interno - 2178474 - ROBERTO RODRIGUES DE SOUZA
Externo ao Programa - 1708289 - LUANDA GIMENO MARQUES

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2022 - UFRN v3.5.16 -r18160-36a7f68df5