UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 20 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: RICARDO TADEU SOARES SANTOS
09/10/2019 10:37


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RICARDO TADEU SOARES SANTOS
DATA: 30/10/2019
HORA: 15:30
LOCAL: PROPADM, SALA 47
TÍTULO: SMART CITIES E EMPREENDEDORISMO: DIAGNÓSTICO DA CIDADE DE ARACAJU E PROPOSTA DE INICIATIVAS INTELIGENTES
PALAVRAS-CHAVES: Smart Cities, Empreendedorismo, Cidades Inteligentes, Living Lab´s.
PÁGINAS: 113
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
RESUMO:

As questões de sustentabilidade global e o atual modelo de urbanização vêm ganhando cada vezmais espaço em conferencias de relevância mundial. (UN-HABITAT, 2016). As Smart Cities(Cidades Inteligentes) têm sido um tema recorrente e atrelado às duas questões anteriores, horano âmbito dos poderes públicos municipais por meio de projetos em parceria público/privadacom empreendedores, e no meio acadêmico através de publicações científicas (ALVAREZ;SALZANI, 2019). Nesse sentido, este estudo teve por objetivo descrever e analisar a cidade deAracaju segundo as dimensões do modelo de Smart Cities de Giffinger e Gudrun (2010),especificamente em seus Fatores Serviços Públicos e Sociais; Governança Transparente eQualidade de Vida, de acordo com as três dimensões do desenvolvimento humano: longevidade,educação e renda. A partir deste modelo investigou quais iniciativas/projetos inteligentespropostas e/ou aplicadas em Smart Cities ao redor do mundo são vistas como prioridade pelosstakeholders (população da cidade) para aplicação em Aracaju. Quanto à metodologia, o estudoclassifica-se como descritivo fundamentado na abordagem de métodos mistos proposta porCreswell (2012), em desenvolver em uma pesquisa teórica, com vistas à formulação de umaproposta prática, com base nos conceitos de cidade inteligente e a partir de experimentosprévios implementados ao redor do globo, compilados em uma ferramenta multidimensionalque foi submetida à análise dos stakeholders em forma de questionário. A análise dosquestionários respondidos por munícipes de todos os bairros da cidade de Aracaju foi feita pormeio de estatística inferencial a partir do software IBM SPSS free versão 2016. Os resultadosindicaram convergência entre as propostas presentes no questionário analisadas pelosstakeholders e lacunas existentes na prestação de serviços públicos oferecidos na capital.Permitindo também a identificação de problemas nos setores da educação, saúde e mobilidadeurbana, muitas vezes não evidenciados pelo não escrutínio dos dados necessários para tal.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1541859 - IRACEMA MACHADO DE ARAGAO
Externo ao Programa - 1166728 - JOSE RICARDO DE SANTANA
Interno - 277760 - MONICA CRISTINA ROVARIS MACHADO

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12646-2c874e3307