UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 26 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: LUANA TELES DE RESENDE
30/08/2019 18:30


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUANA TELES DE RESENDE
DATA: 30/09/2019
HORA: 10:30
LOCAL: Miniauditório do CCBS - Campus de São Cristóvão
TÍTULO: AVALIAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO NEUROPSICOMOTOR EM CRIANÇAS COM ASFIXIA PERINATAL
PALAVRAS-CHAVES: Asfixia; Recém-Nascido; Hipóxia-Isquemia Encefálica
PÁGINAS: 48
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Enfermagem
RESUMO:

Introdução: A falta de oxigenação no feto ou recém-nascido pode gerar diversas alterações no organismo, com destaque ao comprometimento neuropsicomotor da criança, cujo acompanhamento deve incluir avaliação do desenvolvimento neuropsicomotor, psicológica e psicoeducacional para prevenir sequelas. Objetivo: Avaliar a evolução do desenvolvimento neuropsicomotor de crianças com diagnóstico de asfixia perinatal até um ano de vida. Metodologia: estudo observacional, longitudinal, prospectivo com abordagem quantitativa realizado em crianças com diagnóstico de asfixia perinatal acompanhadas no ambulatório Follow up de uma maternidade de risco habitual no município de Aracaju. O instrumento de coleta de dados é composto por quatro partes: condições sociodemográficas das mães, dados obstétricos, dados do recém-nascido e avaliação do neurodesenvolvimento da criança nas consultas de follow up. A criança será avaliada em uma consulta de enfermagem no momento da admissão no ambulatório, aos três, seis e doze meses de vida, em cada avaliação será realizado o exame físico e a aferição das medidas antropométricas. A avaliação do crescimento será de acordo com as recomendações do Ministério da Saúde, com base nos gráficos que avaliam o crescimento esperado para cada idade. E a avaliação do neurodesenvolvimento será realizada por meio do Teste de Denver II. Para a análise dos dados, será aplicada a estatística descritiva, com frequências absolutas e relativas, medidas de tendência central, dispersão e variabilidade. Resultados esperados: espera-se que os resultados, possam auxiliar na identificação precoce das alterações do desenvolvimento neuropsicomotor das crianças com asfixia perinatal e assim possa fomentar políticas públicas voltadas à prevenção dos agravos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2865478 - ANDRÉIA CENTENARO VAEZ
Externo ao Programa - 1241436 - JOSEILZE SANTOS DE ANDRADE
Externo ao Programa - 2771472 - MARIANGELA DA SILVA NUNES
Externo ao Programa - 1338444 - ROSEMAR BARBOSA MENDES

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5