UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 26 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: SHIRLEY DOS SANTOS FERREIRA
17/07/2019 18:42


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SHIRLEY DOS SANTOS FERREIRA
DATA: 31/07/2019
HORA: 19:30
LOCAL: AUDITÓRIO DO CCSA/UFS
TÍTULO: ARQUIVOS ESCOLARES COMO FONTE DE INFORMAÇÃO: intervenção na elaboração de modelo de gestão documental
PALAVRAS-CHAVES: Arquivo Escolar. Arquivo Permanente. Fonte de Informação. Gestão Documental. Pesquisa Documental.
PÁGINAS: 143
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Ciência da Informação
RESUMO:

A presente dissertação de mestrado teve como propósito discutir os Arquivos Escolares como fonte de informação e pesquisa. Este espaço de memória institucional da escola, que abriga em suas caixas e armários importantes documentos que registram o cotidiano administrativo e educacional da mesma e que também conta a trajetória escolar de alunos, traçando o perfil do estudante, a atividade acadêmica dos professores que por lá lecionaram, assim como por meio de seu acervo possibilita a descoberta de como foi a metodologia educacional, essas informações encontram-se registradas nos livros de atas livros de ocorrências, diários de classes, ofícios, dentre outros documentos do Arquivo Escolar. O interesse pelos Arquivos Escolares como fonte e espaço de pesquisa ainda é algo recente, principalmente dentro da Ciência da Informação. A área predominante das pesquisas nesse ambiente informacional é na História da Educação, com um grande interesse no Arquivo Escolar principalmente como um espaço de memória, patrimônio educativo escolar. A pesquisa aqui caracterizada tem natureza exploratória, caráter aplicado, utilizando como metodologia a observação participante, precedida de estado da arte com a pesquisa em fontes bibliográficas. Tem como objetivo geral a proposição de um produto gestor, o Manual de Gestão Documental de Arquivo Escolar Permanente, aplicável no Sistema Estadual de Educação de Sergipe, que também sirva de fonte e parâmetro para implantação em outros estados da federação. E como objetivos específicos buscou, diagnosticar a situação do Arquivo Escolar da Escola Estadual “General Valadão”, um estabelecimento de ensino centenário de Aracaju, para estabelecer um modelo de gestão que melhore a consulta, recuperação e disseminação da informação documental de sua documentação permanente. A observação de campo constatou que não há um conhecimento por parte dos responsáveis dos Arquivos Escolares sobre a temática de arquivo, dos métodos de arquivamento, conservação e preservação desse acervo, bem como ainda sobre a questão de gestão documental, assim como não existe na rede estadual de educação nenhum documento norteador. Identificou-se também a ausência de identidade dos funcionários com o Arquivo Escolar, não consegue-se entender o arquivo além de espaço abrigador de documentos ultrapassados e velhos e seus responsáveis pela atividade também não têm uma identidade com a atividade realizada, não consegue fazer a atividade com êxito ou porque não conhece a rotina ou porque o documento estavam em estado de acumulação, dificultando assim a localização do documento desejado. Como considerações finais, constatamos que infelizmente ainda o arquivo escolar não desempenha a função social e cultural dentro do espaço escolar, bem como a falta de preservação e organização deste tipo de arquivo põe em risco a memória da escola, a falta de um profissional da área da documentação dificulta o bom funcionamento e uso do arquivo escolar e a ausência de uma política de gestão documental desse tipo de acervo contribui para um acumulo de massa documental sem nenhum critério.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1709185 - JANAINA FERREIRA FIALHO COSTA
Externo à Instituição - RUBEM BORGES TEIXEIRA RAMOS
Presidente - 1698540 - VALERIA APARECIDA BARI

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5