UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 20 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: AGLAENE DOS SANTOS MENDONÇA
02/07/2019 10:24


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: AGLAENE DOS SANTOS MENDONÇA
DATA: 30/07/2019
HORA: 10:00
LOCAL: Auditório do Departamento de Geografia
TÍTULO: O PÓS-ABOLIÇÃO EM COLEÇÕES DIDÁTICAS DE HISTÓRIA DOS ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL-PNLD/2017.
PALAVRAS-CHAVES: Ensino de História. Livro Didático. Pós-Abolição.
PÁGINAS: 45
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: História
RESUMO:

Esta proposta de pesquisa objetiva compreender as abordagens dos Pós-Abolição em três coleções didáticas destinadas ao Ensino Fundamental- Anos Finais aprovadas no PNLD/2017. As coletâneas selecionadas para esta pesquisa, correspondem, aproximadamente, a 59% do total da distribuição dos materiais direcionados às escolas públicas que fazem adesão ao Programa Nacional do Livro Didático. Para tanto, elencamos três objetivos específicos: identificar temas e conteúdos sobre o Pós-Abolição, pautando em quais momentos e como aparecem; analisar as abordagens predominantes por meio de uma classificação na qual observaremos quais as perspectivas historiográficas e as ausências e construir um manual didático, direcionado ao Ensino Fundamental, que leve outras possibilidades para a sala de aula. Este se faz necessário, pois ao adentrar em um programa de Mestrado Profissional em Ensino de História visualizamos a importância de integrar a pesquisa ao viés prático pedagógico. Dois conceitos são fundamentais no entendimento do tema: livro didático e Pós-Abolição. Neste sentido, estabelecemos um diálogo com Choppin (2004), Bittencourt (2004) Guimarães (2003) e Freitas (2009, 2010) como aportes teóricos para o primeiro e caminhamos nas perspectivas de Hebe Mattos e Ana Lugão (2004, 2005), Fraga Filho (2005) Petrônio Domingues e Flávio Gomes (2013) para análise do último. No processo elucidativo, permeamos o tipo de pesquisa documental por meio de uma abordagem qualitativa, todavia o aspecto quantificável não será desprezado. Ademais, averiguaremos outros documentos oficiais que incluem as normas orientadoras do ensino, os textos construídos no processo da chegada do material educativo à sala de aula. Por fim, no exame da literatura escolar, utilizamos o método de análise de conteúdo, segundo Bardin (1977), que consiste em tratar a informação a partir de um roteiro específico, iniciando com a pré-análise, na sequência, partirmos para exploração do material e concluímos com o tratamento dos resultados e interpretações.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ILKA MIGLIO DE MESQUITA
Interno - 8426714 - ITAMAR FREITAS DE OLIVEIRA
Interno - 1687926 - JANAINA CARDOSO DE MELLO
Presidente - 1698052 - MARIZETE LUCINI

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16088-62c448d53e