UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 18 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de DEFESA: JOSENEIDE SANTOS DE JESUS
06/05/2019 16:44


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOSENEIDE SANTOS DE JESUS
DATA: 31/05/2019
HORA: 09:00
LOCAL: NIPPEC
TÍTULO: PRÁTICA DE LEITURA DE CANÇÕES: O EMPODERAMENTO FEMININO
PALAVRAS-CHAVES: Leitura literária; formação crítica do/a leitor/a; empoderamento feminino.
PÁGINAS: 80
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Letras
SUBÁREA: Literatura Brasileira
RESUMO:

O presente TFC visa apresentar uma caderno de leitura crítica a partir de canções de autoria feminina que destacam o papel da independência e do empoderamento das mulheres. Essa abordagem faz parte de um trabalho de intervenção desenvolvido nas aulas de Língua Portuguesa de uma turma do 9° ano de uma escola municipal de Jeremoabo/ BA. Está organizado em uma teórica e outra metodológica. Na primeira parte enfocamos o debate sobre a “Formação do/a leitor/a e o texto literário” e as “Relações de gênero e empoderamento feminino”, enquanto que na segunda parte descrevemos a realização prática do nosso trabalho: “Oficinas literárias: debatendo o empoderamento feminino” e “Análise dos resultados”. Quanto ao arcabouço teórico, apresentamos conceitos fundamentais sobre o trabalho com o texto literário e a formação do/a leitor/a pautados nos estudos sobre a leitura cultural, de Carlos Gomes (2012) e a leitura subjetiva, de Annie Rouxel (2013). Trazemos também as contribuições de Simone Alcântara (2012) a respeito da caracterização e da importância do gênero canção e Hélder Pinheiro Alves (2017 e 2018), em relação ao ensino de poesia e a inserção da produção de autoria feminina em sala de aula. Já para tratar da temática do empoderamento feminino trazemos inicialmente as ideias de dominação masculina e violência simbólica, conforme Pierre Bou rdieu (2018); sobre a construção da identidade de gênero e suas implicações sociais e culturais abordamos as teorias de Judith Butler (2014 e 2018), Lia Zanotta Machado (2017) e Henriqueta Moore (2000). Dando prosseguimento a essa perspectiva enfocamos a importância do lugar de fala da mulher nos baseando em Djamila Ribeiro (2017) e, ampliando as discussões sobre empoderamento e direitos da mulher, trazemos para o debate as contribuições de Chimamanda Adichie (2017) e Bruna de Lara (2016). Os dados coletados durante a pesquisa proporcionaram a criação de um caderno pedagógico que tem como principal objetivo disponibilizar para o público docente uma prática de leitura crítica de canções de autoria feminina estabelecendo relações com textos poéticos e jurídicos que tratam da temática dos direitos e do empoderamento feminino.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 95283 - CARLOS MAGNO SANTOS GOMES
Interno - 1687732 - JEANE DE CASSIA NASCIMENTO SANTOS
Externo à Instituição - SIMONE SILVEIRA DE ALCÂNTARA

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16088-62c448d53e