UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 23 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: THAUANE MOURA GARCIA
03/05/2019 11:32


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: THAUANE MOURA GARCIA
DATA: 30/05/2019
HORA: 09:00
LOCAL: Sala de Seminários
TÍTULO: SMART E-PING: FRAMEWORK DE INTEROPERABILIDADE DA ARQUITETURA E-PING COM A PLATAFORMA FIWARE PARA O USO EM CIDADES INTELIGENTES
PALAVRAS-CHAVES: e-PING. FIWARE. Framework Smart e-PING. Governo Eletrônico
PÁGINAS: 127
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Ciência da Computação
SUBÁREA: Metodologia e Técnicas da Computação
ESPECIALIDADE: Engenharia de Software
RESUMO:

A interoperabilidade possui uma função importante para o Governo Eletrônico Brasileiro (GEB),
provendo uma única interface com todas as informações armazenadas em diferentes servidores
na rede. Dessa maneira, o GEB utiliza um padrão de interoperabilidade, chamado e-PING,
para auxiliar na integração de sistemas e compartilhamento das informações. No entanto, a
interoperabilidade ainda é um fator desafiante para inúmeras organizações devido à grande
quantidade e diversidade de dispositivos que estão predispostos a trocar informações entre si.
Para integrar os inúmeros sistemas, aplicativos e/ou dispositivos com diferentes plataformas
disponíveis no mundo, pode-se utilizar um middleware. Uma plataforma middleware também
pode auxiliar as Cidades Inteligentes (CI) fornecendo acessos padronizados aos dados e serviços
provenientes das interfaces dos pilares de uma CI, além de promover o reuso de serviços
genéricos. A plataforma FIWARE foi identificada como a mais adequada para aprimorar o
GEB, pois trata-se de uma das plataformas mais utilizadas em trabalhos científicos. Diante deste
cenário, este trabalho teve como principal objetivo desenvolver o Framework Smart e-PING que
pretende possibilitar a interoperabilidade entre Softwares Públicos, que utilizam a arquitetura
e-PING, e a plataforma FIWARE. A fim de contemplar o objetivo proposto, foi adotado um
estudo exploratório por meio de procedimentos bibliográficos e, por fim, foi realizado um estudo
de caso para a validação do Framework proposto. O estudo de caso foi realizado em um cenário
real que teve como objetivo analisar o Framework Smart e-PING, avaliando a interoperabilidade
entre um Software Público e a plataforma FIWARE. Dessa forma, foi validado o Framework
Smart e-PING com base em três questões de validações, simulando 35 testes. A primeira questão
avaliou a frequência com que o Framework Smart e-PING traduzia corretamente o arquivo
do Banco de Dados do Software Público para a plataforma FIWARE. Para essa questão, o
Framework Smart e-PING obteve uma taxa de sucesso de 97,14%. A segunda questão avaliou a
frequência com que o Framework Smart e-PING causava perda de informação na tradução do
arquivo do Banco de Dados do Software Público para a plataforma FIWARE. Para a segunda
questão, o Framework Smart e-PING obteve uma taxa de erro de 2,85%. Por fim, a última questão
avaliou o tempo estimado com que o Framework Smart e-PING permitiria a interoperabilidade
entre o Software Público e a plataforma FIWARE. Para essa questão de pesquisa, o Framework
Smart e-PING teve um tempo médio para cada iteração de 248 milissegundos. Com base nesse
estudo de caso, inferiu-se que o Framework Smart e-PING atende parcialmente o objetivo
proposto neste trabalho. Portanto, o Framework Smart e-PING permite a integração e facilita o
uso da plataforma aberta FIWARE para as organizações que já utilizam a arquitetura e-PING.
Desta forma, esse trabalho dá suporte ao GEB quanto a redução dos seus custos, otimização e
melhoria dos seus serviços públicos por meio de soluções inteligentes e a reutilização de recursos
inteligentes.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2217866 - ROGERIO PATRICIO CHAGAS DO NASCIMENTO
Interno - 1780222 - MICHEL DOS SANTOS SOARES
Externo à Instituição - EDUARDO JAMES PEREIRA SOUTO

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5