UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 22 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: CARLA FRANCISCA DOS SANTOS CRUZ
10/01/2019 10:12


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CARLA FRANCISCA DOS SANTOS CRUZ
DATA: 28/01/2019
HORA: 08:30
LOCAL: Departamento de Farmácia da UFS
TÍTULO: ENSINO E AVALIAÇÃO DE COMPETÊNCIAS CLÍNICAS EM FARMÁCIA: REALIDADE E DESAFIOS.
PALAVRAS-CHAVES: Ensino, Avaliação, Competência clínica, Farmácia.
PÁGINAS: 111
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Farmácia
RESUMO:

Nas últimas décadas, a implantação e implementação de ações preconizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) exigiram mudanças na formação dos recursos humanos em saúde no país. No entanto, no ensino farmacêutico ainda é necessário superar desafios, como: o isolamento da educação da prática em Farmácia, a incongruência da educação com as necessidades atuais dos pacientes e da sociedade; e a relação de trabalho desarmônica com os demais profissionais de saúde. Diante o exposto, o objetivo do presente trabalho foi compreender a realidade e desafios do ensino e avaliação de competências clínicas em Farmácia. Para tanto, foi realizado um estudo qualitativo, transversal, exploratório baseado em discussão de grupos focais entre setembro e novembro de 2017. Os participantes foram divididos em quatro grupos de seis a sete pessoas para identificar as percepções relacionadas ao ensino e avaliação de competências clínicas para o exercício da profissão farmacêutica. Os resultados desse estudo mostram que existe divergência entre as expectativas dos estudantes e professores e as necessidades dos profissionais em relação ao ensino e avaliação de competências clínicas. A revisão do modelo atual é necessária, visto que muitas lacunas foram abordadas como a necessidade de aumento de experiências práticas, integração de conteúdos no decorrer do curso e métodos de ensino e avaliação contextualizados com a prática clínica. Ademais, foi realizada uma revisão sistemática para analisar a efetividade das metodologias de ensino e de avaliação utilizadas para o desenvolvimento de competências clínicas para Farmácia. A busca de artigos foi realizada nas bases de dados: Scopus, Lilacs, Eric e PubMed. A pesquisa identificou 3.094 artigos. Após os processos de exclusão, 13 artigos compuseram a amostra final. Com relação às metodologias de ensino avaliadas, quatro estudos desenvolveram e testaram softwares em formato interativo baseados na Web. Oito artigos empregaram a simulação em suas estratégias de ensino e/ou avaliação, sendo que dois artigos usaram manequins de alta fidelidade e os demais utilizaram pacientes padronizados associados a outras técnicas de ensino/avaliação como: palestras didáticas; discussão de casos clínicos; grupo de trabalho; encenação (role playing) e feedback. Os resultados obtidos com as metodologias de simulação foram superiores aos convencionais em três estudos. Os demais estudos, mesmo não apresentando diferença estatisticamente significativa entre os métodos, relataram que as intervenções eram tão eficazes quanto o controle e tinha uma tendência a serem superiores. Quanto aos estudos que focaram nos métodos de avaliação, verificou-se que o feedback imediato foi preferido pelos estudantes em relação ao feedback tardio como método de avaliação. E o instrumento de avaliação testado, General Level Framework propõe uma avaliação pragmática a partir da qual as necessidades de treinamento do indivíduo podem ser identificadas. Poucos estudos envolveram quantificação objetiva da extensão da aprendizagem além dos testes de conhecimento pré e pós intervenção. A avaliação na educação farmacêutica requer expansão além da administração dos instrumentos de pesquisa de satisfação e autoeficácia do estudante e avaliação do conhecimento, e deve englobar o exame do desempenho clínico e do pensamento crítico.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ALESSANDRA REZENDE MESQUITA
Externo à Instituição - LYVIA DE JESUS SANTOS
Externo à Instituição - Paulo Sérgio Dourado Arrais

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12692-c69972fb69