UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 22 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: SIMONY DA MOTA SOARES
28/11/2018 10:16


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SIMONY DA MOTA SOARES
DATA: 17/12/2018
HORA: 09:00
LOCAL: Sala 04 da Did VI
TÍTULO: ADAPTAÇÃO TRANSCULTURAL E VALIDAÇÃO DE DOIS INSTRUMENTOS DE DETERMINAÇÃO DA ADESÃO TERAPÊUTICA PARA A LÍNGUA PORTUGUESA
PALAVRAS-CHAVES: adesão à medicação, hipertensão, estudos de validação, adaptação transcultural, autorrelato.
PÁGINAS: 36
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Farmácia
RESUMO:

A não-adesão ao tratamento é um importante fator de risco para o insucesso terapêutico, surgimento de complicações e elevação de custos em doenças crônicas, como a hipertensão. Dentre os métodos propostos para determinar o comportamento aderente, as escalas de autorrelato de adesão são amplamente empregadas em pesquisas e na prática clínica por apresentarem baixo custo, fácil aplicabilidade e considerarem aspectos subjetivos do indivíduo. A disponibilização de escalas que contemplem diferentes domínios da adesão envolvidos com comportamento de tomada do medicamento, barreiras e crenças podem aumentar a efetividade da medida. O objetivo deste trabalho foi realizar a adaptação transcultural e validação para a língua portuguesa das escalas de adesão terapêutica Simplified Medication Adherence Questionnaire (SMAQ) e Brief Evaluation of Medication Influences and Beliefs (BEMIB) para pacientes com hipertensão arterial. Para tanto, o estudo seguiu as recomendações metodológicas internacionais que preconizam a combinação das seguintes etapas: tradução, retrotradução para a língua de origem (back translation), síntese das traduções, pré-teste e avaliação das propriedades psicométricas. Para as etapas de validação de critério e constructo e testes de confiabilidade serão considerados população-alvo os pacientes maiores de 18 anos, em uso de medicamentos anti-hipertensivos, que aceitem participar da pesquisa após assinatura do TCLE. O programa estatístico SPSS versão 20 será utilizado para análise dos dados. Os resultados preliminares demonstram alto grau de conformidade entre as escalas originais e as versões adaptadas, atestadas pela equivalência semântica conferida pelos autores primários dos instrumentos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 949.166.594-49 - ALFREDO DIAS DE OLIVEIRA FILHO
Interno - 1315121 - DIVALDO PEREIRA DE LYRA JUNIOR
Externo ao Programa - 1043014 - ELISDETE MARIA SANTOS DE JESUS

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12692-c69972fb69