UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 22 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: LARISSA MARINA SANTANA MENDONÇA DE OLIVEIRA
14/08/2018 13:17


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LARISSA MARINA SANTANA MENDONÇA DE OLIVEIRA
DATA: 28/08/2018
HORA: 14:30
LOCAL: Hospital São Lucas
TÍTULO: Reinternação de pacientes com Síndrome Coronariana Aguda e seus determinantes.
PALAVRAS-CHAVES: Síndrome Coronariana Aguda. Hospitalização. Readmissão Hospitalar.
PÁGINAS: 71
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Nutrição
RESUMO:

Introdução: A Síndrome Coronariana Aguda (SCA) é responsável por elevados números de admissões e readmissões hospitalares. Esses números estão associados ao aumento dos custos para o paciente e para o sistema de saúde, bem como à elevação nas taxas de mortalidade hospitalar. Objetivo: Investigar a reinternação entre pacientes com SCA e seus determinantes. Metodologia: Trata-se de uma coorte retrospectiva de pacientes de ambos os sexos, adultos e idosos, diagnosticados com SCA. Foram avaliados, a partir dos registros dos hospitais locais públicos e privados de referência em cardiologia, a ocorrência de reinternação, em até 01 ano após internação por SCA, o tempo entre as admissões e uso de medicamentos no momento da reinternação. Regressão logística múltipla foi utilizada para avaliar as variáveis preditoras da reinternação. Resultados: A ocorrência de reinternações foi de 21,46% (n=115) e o período médio entre as internações foi de 122,74 (DP 112,14) dias. Os pacientes avaliados eram, em sua maioria, do sexo masculino (64,0%), com média de idade de 63,15 (DP 12,26) anos, 7% apresentaram óbito como prognóstico da reinternação e 68,7% apresentaram mais de 1 reinternação em 01 ano. As causas cardiovasculares, entre elas a recorrência da SCA, foram as mais prevalente entre as reinternações hospitalares. A assistência privada e o diagnóstico de ICC tiveram associados às reintrenação após a regressão logística múltipla. Conclusão: Acredita-se que as reintrenações são reflexo das condições clínicas do paciente e ao acesso do paciente aos serviços de saúde.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 426692 - ANTONIO CARLOS SOBRAL SOUSA
Interno - 1243900 - JOSE AUGUSTO SOARES BARRETO FILHO
Externo ao Programa - 2097654 - VIVIANNE DE SOUSA ROCHA

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12692-c69972fb69