UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 20 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: JOSÉ BARBOSA SANTANA
24/05/2018 15:00


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOSÉ BARBOSA SANTANA
DATA: 11/06/2018
HORA: 08:00
LOCAL: NIPEC
TÍTULO: O ensino léxico-semântico de advérbios: literatura e games no ensino fundamental II
PALAVRAS-CHAVES: Língua Portuguesa. Léxico. Semântica. Advérbios. Games.
PÁGINAS: 50
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
SUBÁREA: Lingüística Aplicada
RESUMO:

A proposta desse trabalho de pesquisa está voltada para o ensino da língua portuguesa, no que se refere aos estudos gramaticais, sendo a literatura o instrumento definitivo para a elaboração de um jogo eletrônico que, posteriormente, pretendemos que seja disponibilizado em forma de aplicativos de celulares e computadores. Nosso tema busca o ensino funcional de advérbios, com base em princípios léxico-semânticos de sinonímia e antonímia (MOURA, CAMBRUSSI, 2018), para alunos da Educação básica. Nossa amostra populacional está delimitada no 9º ano do ensino fundamental II de uma escola da rede pública estadual do município de Boquim, Estado de Sergipe. O nosso objetivo é a construção de um game (GEE, 2003), tendo por figura o conto “Venha ver o pôr do sol”, de Lygia Fagundes Telles, para que os alunos possam reconstruir as bases adverbiais tendo em conta os seus significados gerados. Além do trabalho estrutural léxico-semântico (ANTUNES, 2009), o jogo aporta possibilidades de ampliar o repertório linguístico auxiliando, assim, no desenvolvimento da compreensão leitora e nos estudos de cunho gramatical de modo mais contextualizado. Nosso alicerce teórico também contempla Rojo (2012), Xavier (2013) e Leffa (2013), com conteúdos referentes à exploração de multiletramentos e tecnologias computacionais em sala de aula, Antunes (2007) e Bakhtin (2003), no que tange o ensino da língua em um contexto de interação, Travaglia (2006) e Neves (2002), que portam maneiras de ensino gramatical com vistas ao uso e, por fim, Ilari (2008) e Amaral (2016), que tratam da parte relativa à semântica lexical. Temos a perspectiva de que o produto em desenvolvimento traga aos alunos da educação básica, com um todo, oportunidades de interação para que alcancem não só o entendimento de usos da categoria gramatical de advérbios, mas também consigam compreender de modo mais adequado as ideias do texto literário. Dessa forma, em um continuum de compreensão, estaremos favorecendo o assentamento e espraiamento da educação linguística.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1490267 - SANDRO MARCIO DRUMOND ALVES MARENGO
Interno - 2506161 - ELAINE CRISTINA SILVA SANTOS
Externo à Instituição - LÍVIA MÁRCIA TIBA RÁDIS BAPTISTA

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16088-62c448d53e