UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 28 de Janeiro de 2023

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de DEFESA: EDILMA NUNES DE JESUS
01/02/2018 09:57


Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: EDILMA NUNES DE JESUS
DATA: 27/02/2018
HORA: 14:00
LOCAL: PRODEMA
TÍTULO: ECOLOGIA DE PAISAGEM COMO SUBSÍDIO À RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE (APP)
PALAVRAS-CHAVES: técnicas nucleadoras; áreas degradadas; matas ciliares.
PÁGINAS: 211
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

A intensa degradação ambiental nas matas ciliares tem como consequência a reduçãodas Áreas de Preservação Permanente (APP) afetando desde a manutenção das baciashidrográficas, as condições de sobrevivência para espécies da fauna e flora e ascomunidades ribeirinhas do entorno, principalmente, no tocante às alterações do solo erecursos hídricos. E, estes impactos refletem a necessidade de que trabalhos deRecuperação de Áreas Degradadas (RAD) sejam realizados visando à melhoria destesecossistemas. Entretanto, os custos elevados das práticas de RAD tradicionais,juntamente com a falta de informações sobre modelos de RAD alternativos, restringemo acesso a essas técnicas. Nesse contexto, as técnicas nucleadoras, que são alternativascuja base teórica origina-se na Ecologia de Paisagem, tem se destacado como estratégiasde RAD, seja pelos custos mais reduzidos, como também pelo princípio de potencializaras interações que ocorrem naturalmente no ambiente. Assim, o objetivo geral desteestudo é de avaliar a partir do uso das ferramentas de Ecologia de Paisagem aviabilidade de técnicas alternativas de RAD ao contribuir para o resgate daconectividade entre áreas degradadas e conservadas, situadas no Nordeste do Estado daBahia. Para isso, a presente Tese buscou ainda: identificar trechos com viabilidade paraa implantação de técnicas de recuperação nucleadoras a partir das métricas da Ecologiade Paisagem na área em estudo; analisar a percepção ambiental de comunidade ruralquanto às práticas de recuperação e monitorar os processos nucleadores por meio deuma matriz de indicadores ambientais, incluindo as dimensões: ecológicas, sociais eeconômicas. Nesse sentido, foram aplicadas análises em ambiente SIG (Sistemas deInformações Geográficas) para caracterização da estrutura e conectividade da paisagem,com as extensões gratuitas Patch Analyst 5.0 e Conefor Sensinode 2.2; a percepçãoambiental foi investigada a um público específico (amostra intencional) a partir deentrevistas e oficinas participativas, ambas aferidas pela Análise de Conteúdo(BARDIN, 2011) e de processos perceptivos (White, 1978); e a implantação dastécnicas nucleadoras foi monitorada mediante matriz de Indicadores ambientais, aliada acompilação de dados estatísticos. Logo, percebeu-se que a área possui elementosrelacionados aos efeitos da fragmentação (número e tamanho dos fragmentos, condiçõesde forma e isolamento, etc). Contudo as análises de SIG e diagnóstico realizado in loco,apontaram que a maior proximidade entre os pequenos fragmentos, bem como, aconectividade das áreas de APP são elementos favoráveis à implantação das técnicas denucleação: galharia e transposição de serrapilheira. Quanto à percepção ambiental dacomunidade do entorno, os entraves que poderão interferir nas ações de recuperação serelacionam aos problemas socioambientais vividos, bem como, os conflitos presentes.Entretanto, o conhecimento local, as possibilidades de alvos a serem conservados e aimportância atribuída aos trabalhos de recuperação apontam que esta atividade poderáser intensificada, principalmente, a partir da abertura de diálogo entre os atores sociais ea formação de espaços participativos. De maneira geral, a implantação de técnicasnucleadoras na AVC São José do Avena (Itanagra-BA), apresenta um cenário oportunono tocante aos indicadores ambientais selecionados e aplicados, o que evidencia apotencialidade que este tipo de atividade agrega em vistas a ampliar as ações derecuperação de áreas degradadas na região ofertando múltiplos benefícios.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 388007 - ADAUTO DE SOUZA RIBEIRO
Interno - 2625648 - ANTONIO VITAL MENEZES DE SOUZA
Externo à Instituição - DANIELA TEODORO SAMPAIO
Externo à Instituição - MARA ROJANE BARROS DE MATOS
Externo ao Programa - 140555 - MARCOS CABRAL DE VASCONCELLOS BARRETTO

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2023 - UFRN v3.5.16 -r18277-8067e35817