UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 23 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: MARIANNE BATISTA DINIZ DA SILVA
08/12/2017 13:10


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARIANNE BATISTA DINIZ DA SILVA
DATA: 18/01/2018
HORA: 14:30
LOCAL: Sala de Seminários
TÍTULO: BOAS PRÁTICAS PARA SUPORTAR AS DIMENSÕES DE GOVERNANÇA ÁGIL DE TI NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA FEDERAL
PALAVRAS-CHAVES: Governança Pública. Governança de TIC. Boas Práticas. PeticGov Wizard
PÁGINAS: 127
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Ciência da Computação
SUBÁREA: Metodologia e Técnicas da Computação
ESPECIALIDADE: Sistemas de Informação
RESUMO:

A Governança de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) ainda é um fator desafiante para as organizações, tanto para o setor público como privado. Uma característica fundamental da governança de TIC é agregar valor ao negócio, como também colaborar para o desempenho da organização por meio de processos contínuos de decisões, provendo uma gestão de TI eficiente e eficaz, alinhada com a Governança Corporativa. Sabendo dessas características, as organizações públicas são reconhecidas pelos órgãos de controle (Tribunal de Contas da União - TCU, Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação - SISP, Estratégia de Governança Digital - EGD), os quais, por meio desse reconhecimento, fazem com que os gestores dessas organizações atribuam uma atenção para essa área. Nesse caso, a adoção e o direcionamento de boas práticas que atendam às exigências dos órgãos de controle com relação à Governança de TIC são necessárias. Assim, o objetivo desta dissertação foi propor boas práticas de Governança de TIC para direcionar as organizações para a melhoria do índice de maturidade de Governança de TIC (iGovTI) na Administração Pública Federal (APF), avaliado pelo TCU. Com o objetivo de realizar essa análise, foi adotado um estudo descritivo por meio dos procedimentos bibliográficos, survey e, por fim, o estudo de caso para a validação do framework proposto. Após a análise das boas práticas (ITIL, CMMI, COBIT, COSO e outras), foi desenvolvida a proposta de um framework denominado PeticGov, que tem o intuito de direcionar as organizações em qual(is) boa(s) prática(s) adotar com base no seu déficit. Obteve-se, como resultados, a validação da ferramenta PeticGov Wizard, que atende as fases propostas pelo framerwork. Dessa forma, foi validado a PeticGovWizard com relação a usabilidade, o questionário, seu direcionamento e sua utilidade perante as organizações iniciais e básicas. Para a primeira validação (usabilidade) obteve-se 21 respostas em um survey e foi visto que é necessário melhorar alguns aspectos (layout, informações na ferramenta). Para a validação do questionário obteve-se uma amostra de 46 organizações e percebeu-se que os dados estavam coerentes. Com relação a validação de utilidade da PeticGov Wizard nas organizações, obteve-se respostas de 20 funcionários de instituições com estágio de capacidade inicial e básico. Assim, observou-se que 100% dos respondentes afirmam que a ideia da ferramenta PeticGov Wizard com relação ao direcionamento das práticas isoladas para implantação nas organizações, ganham força perante os setores.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2217866 - ROGERIO PATRICIO CHAGAS DO NASCIMENTO
Interno - 1780222 - MICHEL DOS SANTOS SOARES
Externo ao Programa - 2550927 - JEFFERSON DAVID ARAUJO SALES
Externo à Instituição - ISABEL DILLMANN NUNES

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5