UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 23 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: EVANDRO OLIVEIRA SANTOS
27/09/2017 11:12


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: EVANDRO OLIVEIRA SANTOS
DATA: 05/10/2017
HORA: 14:30
LOCAL: Sala de Reuniões do Nippec
TÍTULO: O MANIFESTO COMO AÇÃO DE LINGUAGEM: UMA PROPOSTA DE DIDATIZAÇÃO DO GÊNERO PARA O TRABALHO EM SALA DE AULA
PALAVRAS-CHAVES: Ensino de língua portuguesa; leitura; gênero de texto manifesto; interacionismo sociodiscursivo
PÁGINAS: 61
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Letras
RESUMO:

A presente pesquisa é de natureza interpretativa e interventiva, referenciada nos pressupostos teórico-epistemológicos do interacionismo sociodiscursivo (ISD), de Bronckart (2009), com foco no agir discursivo, proposto por Bulea (2010). Parte-se da problemática da baixa proficiência em leitura entre estudantes das séries finais do ensino fundamental, constatada em avaliações externas da educação básica, como a Prova Brasil, para o desenvolvimento de uma pesquisa-ação, conforme Thiollet (2012) e Tripp (2005), voltada para a transposição didática de gênero, adotada neste trabalho como forma de transpor uma elaboração conceitual em uma intervenção docente, em forma de Sequência Didática de Leitura, instrumento adaptado de Dolz, Noverraz & Schneuwly (2004) para interpretar a ação linguageira de manifestar-se a partir de um corpus composto pelos manifestos Antropófago e da Poesia Pau-Brasil, além do Manifesto Anti leitura, utilizado como elemento motivar de aplicação. Com isso, esperamos que os alunos tomem consciência sobre o agir manifesto e identifiquem suas representações, de maneira que se apropriem do gênero, identifiquem-no como representativo do discurso da negação e reorganizem suas próprias ações, construindo soluções pessoais para as atividades sociais às quais estejam inseridos. Após a coleta e análise dos dados para a validação do dispositivo aplicado, produzir-se-á um caderno de atividades como forma de didatização do gênero manifesto para docência, a fim de contribuir com as práticas em sala de aula que favorecem à leitura e se associam a uma perspectiva discursiva de ensino de língua portuguesa.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - EULÁLIA LEURQUIN
Externo ao Programa - 2026538 - ISABEL CRISTINA MICHELAN DE AZEVEDO
Presidente - 1625620 - JOSE RICARDO CARVALHO DA SILVA

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16100-6196392814