UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 20 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: LUCIANO DOS SANTOS FERREIRA
31/08/2017 17:59


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUCIANO DOS SANTOS FERREIRA
DATA: 26/09/2017
HORA: 14:00
LOCAL: Didática
TÍTULO: RETÂNGULOS, BALÕES E NEGRITUDE ONLINE. UMA HQ DA ÁFRICA ENTRE BAHIA E SERGIPE NO SÉCULO XIX.
PALAVRAS-CHAVES: Tráfico; escravidão; solidariedade; família; HQ.
PÁGINAS: 31
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: História
SUBÁREA: História Moderna e Contemporânea
RESUMO:

Apesar de tema recorrente, a escravidão brasileira ainda é mal compreendida. Pelas elites certamente, mas principalmente pelas camadas mais pobres da sociedade, que “coincidentemente” são descendentes diretas dos africanos trazidos à força e reduzidos à mão-de-obra amordaçada. São, entretanto, os maiores interessados no assunto, que outrora gerou riqueza e requinte para seus “senhores”, Estados europeus que desterraram milhões sem o menor pudor, motivados apenas pelo lucro. Ainda paira na mentalidade dos cidadãos brasileiros a ideia de que o escravo existia nessa condição por ser negro; fruto de uma problematização mal concebida e repleta de “lugares comuns”. A presente pesquisa-produto visa elaborar uma narrativa dinâmica sobre a escravidão africana, sua ocorrência, circunstâncias e fins; o confinamento e a preparação para o translado atlântico, as condições das transações comerciais e as moedas empregadas. Em seu transporte, o acondicionamento dos cativos, as condições sanitárias e o convívio com as diversas etnias nos tumbeiros; chegados à colônia, como eram distribuídos, negociados e conduzidos à labuta nas lavouras, nos engenhos ou nas casas grandes e as redes de solidariedade formadas. Essa representação coletiva trará o percurso de uma escrava para Santo Antônio do Aracaju, com passagem no Recôncavo Baiano na primeira metade do século XIX. O suporte metodológico se relaciona com o público jovem, por isso essa História em Quadrinhos (HQ) deverá expressar as etapas da saga dos africanos de seu convívio nas localidades africanas, a degradante viagem à colônia até a dura vida de escravo. O produto deverá ser aplicável à sala de aula, aos conteúdos escolares nas escolas da educação básica obedecendo à lei 10.639/03.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1687926 - JANAINA CARDOSO DE MELLO
Interno - 2332689 - DILTON CANDIDO SANTOS MAYNARD
Interno - 2707438 - ANDREZA SANTOS CRUZ MAYNARD
Externo à Instituição - SANDRA DE CÁSSIA ARAÚJO PELEGRINI
Externo à Instituição - Jaqueline Aparecida Martins Zarbato

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16088-62c448d53e