UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 25 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ALEXANDRA OLIVEIRA MONTEIRO
11/05/2017 16:05


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALEXANDRA OLIVEIRA MONTEIRO
DATA: 09/06/2017
HORA: 14:00
LOCAL: Campus Prof. Alberto Carvalho, Itabaiana
TÍTULO: GÊNERO DISCURSIVO SEMINÁRIO: UM OBJETO DE ENSINO
PALAVRAS-CHAVES: Gêneros discursivos orais. Seminário. Argumentação. Retórica.
PÁGINAS: 55
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Letras
SUBÁREA: Língua Portuguesa
RESUMO:

Reconhecemos o ambiente escolar como um dos responsáveis por desenvolver, nos nossos alunos, habilidades que os tornem capazes de pensar e transmitir posicionamentos críticos e coerentes sobre a própria comunidade, a sociedade e o mundo em que se encontram inseridos. E como estamos cientes do papel que a comunicação exerce para se chegar a esse fim, desejamos que nossos estudantes saibam se expressar com segurança, usando uma linguagem clara, objetiva e adequada à situação na qual realizam o ato linguístico. Assim, irão transmitir credibilidade a seus interlocutores e os fazerem aderir às suas opiniões. Nesse sentido, o início de um trabalho concreto para o ensino da língua materna deve ser feito através dos diversos gêneros, pois é por meio deles que nos comunicamos. Porém, quando há esse reconhecimento, a ênfase é dada aos gêneros escritos, por isso propomos uma atividade sistemática com os gêneros orais, visto que, mesmo reconhecendo a importância da modalidade escrita, o mundo letrado tem nos mostrado a necessidade de o estudante ampliar seu potencial de comunicação nas esferas sociais, demonstrando um bom desempenho comunicativo nos mais diversos contextos, logo, a escola deve promover, também, a aprendizagem da linguagem oral nas várias situações de uso, especialmente nas mais formais. Desse modo, vemos o seminário como uma importante ponte para esse trabalho, por isso nosso objetivo é debater a inserção desse gênero discursivo como objeto de ensino, nas aulas de língua portuguesa, em uma turma do 9º ano do ensino fundamental em uma escola da rede estadual do município de Aracaju. Todas as etapas de preparação para se chegar a uma excelente exposição devem ser consideradas, portanto, a construção dessa atividade requer ênfase também na importância da argumentação, visto que a nossa proposta é que os discentes argumentem suas posições sobre o tema trabalhado e saibam ouvir as opiniões alheias. O seminário não pode ser mais exposto de maneira simplificada, apenas com divisão de grupo e de assunto, deve ser realmente um objeto de ensino dentro da sala de aula. Para alcançar nosso objetivo, buscamos um referencial bibliográfico principalmente nos estudos de: Antunes (2003, 2009), Bakhtin (1997), Blikstein (2016), Dolz e Schneuwly (2011), Ferreira (2010) e Ribeiro (2009). Muito importante também foram as contribuições dos Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa (1997, 1998)


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2865742 - MARCIA REGINA CURADO PEREIRA MARIANO
Externo ao Programa - 2506161 - ELAINE CRISTINA SILVA SANTOS
Externo à Instituição - ELZA FERREIRA SANTOS

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16104-201f40f5e2