UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 25 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de DEFESA: SORAYA SOUZA DE CARVALHO
01/12/2016 08:51


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SORAYA SOUZA DE CARVALHO
DATA: 01/12/2016
HORA: 14:00
LOCAL: Sala de reuniões do Nippec
TÍTULO: POESIA EM SALA DE AULA MEDIADA PELA INTERTEXTUALIDADE E PELAS TDIC
PALAVRAS-CHAVES: Leitura; Poema; Mediação; Integração; Interdisciplinaridade; TDIC.
PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Letras
SUBÁREA: Literatura Brasileira
RESUMO:

Este projeto foi elaborado a partir da necessidade de se redimensionar a qualidade do trabalho com a leitura de poesia, com o objetivo de promover a leitura literária de forma interativa, promovendo a integração de conteúdo curricular _ leitura e interpretação, através de linguagens lúdicas(leitura cinematográfica, ilustrações) e tecnológicas (leitura oralizada gravada e editada fazendo uso de ferramentas tecnológicas tais como o celular, o computador e uma mídia reprodutora, no caso um CD) a conceitos básicos do gênero poema, a interdisciplinaridade(atividades ligadas às áreas de Artes e Geografia) e a transdisciplinaridade(abordando questões culturais e ambientais), de forma a comprovar que é possível desenvolver um trabalho multimodal que prime pela melhoria da qualidade da educação através de ações em que os maiores beneficiários serão os alunos que se tornarão leitores literários habituais. A pesquisa teve como corpus literário a obra Impregnações na floresta, poemas amazônicos de Helena Parente Cunha, trabalhada com estudantes do 6º e do 9º. ano do Ensino Fundamental, à luz das fundamentações teóricas dos educadores Bordini e Aguiar, Bortoni-Ricardo, Antônio Candido, Alfredo Bosi, Roxane Rojo, entre outros. A metodologia aplicada foi a semiológica de Bordini e Aguiar, onde, a partir de um livro de poemas, explorou-se a leitura dos poemas em interface com a leitura cinematográfica do filme Tainá, uma aventura na Amazônia, produção de Pedro Carlos Rovai, dirigida por Sergio Bloch, que resultaram em um livro e em um CD contendo respectivamente, os poemas da obra Impregnações na floresta, poemas amazônicos de Helena Parente Cunha, ilustrados(desenho e pintura) e em áudio (leitura oralizada e gravada) .


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1543268 - CHRISTINA BIELINSKI RAMALHO
Externo ao Programa - 1281971 - ALBERTO ROIPHE BRUNO
Externo à Instituição - FABIO ANDRÉ CARDOSO COELHO

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16104-201f40f5e2