UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 18 de Junho de 2024

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de DEFESA: ANA MARCIA BARBOSA DOS SANTOS
21/10/2016 07:10


Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANA MARCIA BARBOSA DOS SANTOS
DATA: 21/02/2017
HORA: 14:00
LOCAL: a definir
TÍTULO: Civilização, Modernidade e Educação nas páginas do jornal A Razão(1898-1923)
PALAVRAS-CHAVES: Jornal A Razão. Impressos. História da Educação. História de Sergipe. História da Leitura.
PÁGINAS: 132
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

Esta pesquisa teve como foco investigativo a relação entre o jornal A Razão fundado na cidade de Estância, situada na região sul do Estado de Sergipe em 1898 pelo jornalista e empresário Augusto Gomes(1872-1923) até seu falecimento em 1923. O objetivo principal foi identificar e analisar o lugar ocupado pelo referido hebdomadário na formação cultural e intelectual da sociedades estanciana, visto que atuou de forma preponderante no estímulo à leitura, na divulgação das manifestações artísticas: teatro, cinema e música, não só em Estância, mas em todo o Estado de Sergipe. A base de dados teve como fonte basilar 254 exemplares do jornal, bem como: entrevistas, atas, boletins, ofícios, cartas e fotografias. A partir da base de informações, foi possível elaborar um estudo sociohistórico, sustentado nos conceitos de campo, capital social, capital cultural e habitus desenvolvidos por Pierre Bourdieu além de estabelecer um diálogo com as reflexões de Carlo Ginzburg sobre “pistas, indícios e sinais”. A hipótese que norteou esta pesquisa de doutoramento consistiu na compreensão de que, ao longo do período de sua atuação, tendo como proprietário o jornalista Augusto Gomes, o jornal A Razão constituiu um importante meio de prática educativa não-escolar da cidade de Estância. Compreendo que Augusto Gomes criou em torno do jornal várias “redes” constituídas por diferentes grupos sociais, a saber: político, religioso, educacional, artístico e benemerente, contribuiu sobremaneira através da imprensa para a elevação do seu capital junto a seus pares e promovendo trocas simbólicas que permitiram-lhe atingir a realização dos seus propósitos educativos junto à sociedade estanciana.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 426614 - ANTONIO FERNANDO DE ARAUJO SA
Presidente - 1121432 - EVA MARIA SIQUEIRA ALVES
Interno - 1181181 - JOAQUIM TAVARES DA CONCEICAO
Externo � Institui��o - KAZUMI MUNAKATA
Externo � Institui��o - SIMONE PAIXÃO RODRIGUES
Externo � Institui��o - SÔNIA PINTO DE ALBUQUERQUE MELO
Interno - 2205727 - VERONICA DOS REIS MARIANO SOUZA

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2024 - UFRN v3.5.16 -r19279-bcba364a3c