UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 24 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: ELOY SANTOS VIEIRA
11/04/2016 08:56


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ELOY SANTOS VIEIRA
DATA: 29/04/2016
HORA: 14:30
LOCAL: Sala de reuniões do DCOS
TÍTULO: “O lugar do fandom no processo produtivo das indústrias culturais no contexto da cultura da convergência: os casos de ‘Doctor Who Brasil’ e ‘Universo Who’”
PALAVRAS-CHAVES: Cultura da Convergência; Indústrias Culturais; Fandom; Doctor Who.
PÁGINAS: 144
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Comunicação
RESUMO:

Esta pesquisa tem a intenção de apontar qual o lugar que os fandoms podem ocupar dentro do processo de produção coordenado pelas insdústrias culturais no contexto da cultura da convergência. Para isto, escolhemos a série britânica "Doctor Who" como ponto de partida por reunir diversas dessas características apontadas pelos mais diversos autores que versam sobre o tema e também pela sua longevidade e capacidade de apatação ao longo de seus mais de 50 anos no ar. Em seguida levantamos o conceito de convergência e seguimos a proposta de Aquino (2012) que aborda a convergência através de um tripé teórico: tecnologia, sociedade e cultura. A partir daí, o que propomos é adicionar o aspecto da economia à ideia da autora através de uma abordagem que preza pela “interdiscipliniridade teórica” (KLEIN, 2010) na tentativa de compreender a questão de uma forma mais geral e só então é que propomos o nosso modelo genérico. Por último então escolhemos os dois maiores fandoms brasileiros da série para ilustrar esse modelo. Foi analisado todo o conteúdo que ambos os grupos produziram durante o mês de novembro de 2013 dentro do Twitter. Foi neste período em que a campanha de aniversário dos 50 anos de “Doctor Who” foi intensificada pela BBC e foi dentro do Twitter que se deu a parte mais importanet da mobilização dos fãs em relação à exibição do especial de aniversário. A partir de uma aliança entre análise de conteúdo (BARDIN, 1995) e entrevistas com os administradores dos grupos, foi possível constantar que o modelo genérico seria aplicável nesses casos em específico e que os players das indústrias culturais têm proposto novas estratégias que, ao mesmo tempo em que contribuem para a manutenção de um ciclo produtivo comandado por eles, abre espaço para a inserção dos fandoms como uma espécia de instância intermediária capaz de guiar o consumo das audiências.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2184482 - LILIAN CRISTINA MONTEIRO FRANCA
Interno - 1045250 - CARLOS EDUARDO FRANCISCATO
Externo à Instituição - ADRIANA DA ROSA AMARAL

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5