UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 30 de Janeiro de 2023

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: PATRICIA DA SILVA CERQUEIRA
18/11/2015 10:18


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: PATRICIA DA SILVA CERQUEIRA
DATA: 15/12/2015
HORA: 14:30
LOCAL: PRODEMA
TÍTULO: BIODIESEL E A SUSTENTABILIDADE DA AGRICULTURA FAMILIAR.
PALAVRAS-CHAVES: Indicadores. Oleaginosas. IDEA.
PÁGINAS: 69
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

Há uma urgente necessidade de se consolidar um novo paradigma na produção e consumo de formas de energias renováveis e sustentáveis do ponto de vista técnico, econômico, social, político, ambiental e cultural no Brasil e no mundo. As dúvidas sobre o substituto do carbono fóssil, principal fonte de energia das matrizes energéticas em todo mundo, persistem. Os biocombustíveis são apontados como alternativas viáveis de fonte energética em consonância com o meio ambiente. O biodiesel surge como uma fonte de energia alternativa ao modelo padrão energético que pode ser produzido a partir de diversas fontes de energia, em específico das oleaginosas que são produzidas pela agricultura familiar. Em paralelo, a inserção produtiva da agricultura familiar na cadeia produtiva se torna um desafio, levando em consideração o perfil produtivo, econômico e social do país. Enquanto segmento participante da cadeia produtiva de fontes energéticas para a produção de biodiesel, a agricultura familiar ainda representa um elo em consolidação. Seu fortalecimento depende de um conjunto articulado de ações e políticas do qual o Estado cumpre um papel muito importante. Entretanto, o alcance das metas e a construção de um futuro com redução das desigualdades e inserção social dependem de como estão sendo desenvolvidas as ações para a sua consolidação. Em especial, é preciso avaliar as bases que sustentam a produção de biodiesel e se o seu resultado está sendo apropriado pelos agentes envolvidos, principalmente a agricultura familiar. Assim, levando-se em consideração esses aspectos, o presente projeto de tese tem por objetivo avaliar a sustentabilidade da produção de matérias primas do biodiesel pela agricultura familiar no estado da Bahia e de Sergipe, determinando os aspectos limitantes e potenciais, e as respectivas alternativas para a produção. Os objetivos específicos são: a) Analisar a atual relação (econômica, social e ambiental) entre a produção de biodiesel e a agricultura familiar no Brasil; b) Identificar as matérias primas potenciais para produção de Biodiesel no estado da Bahia e de Sergipe; c) Determinar a sustentabilidade da produção de matérias primas do biodiesel pela agricultura familiar nos estados da Bahia e de Sergipe; d) Apresentar as potencialidades e limitações da cadeia produtiva do biodiesel nos estados da Bahia e de Sergipe, propondo alternativas direcionadas à diversificação da produção, aumento da renda e inserção social. O modelo que será utilizado para avaliação da sustentabilidade é uma adaptação da metodologia francesa para a avaliação da sustentabilidade da agricultura familiar, conhecida comoIndicateurs de Durabilité des Exploitations Agricoles (IDEA). Na literatura relacionada ao tema, especificamente para as realidades atuais dos estados da Bahia e de Sergipe, poucos são os registros de produção científica que contemple informações que relacionem a sustentabilidade das explorações agrícolas familiares com a cadeia produtiva do biodiesel. Este aspecto evidencia o caráter original desta pesquisa. Ao final da presente pesquisa espera-se obter a identificação dos níveis de sustentabilidade de cada eixo (socioterritorial, agroecológico e econômico) para produção de matérias primas do biodiesel pela agricultura familiar; a análise dos indicadores e identificação das potencialidades e limitações da produção de matérias primas do biodiesel pela agricultura familiar; a proposição de medidas fortalecedoras ou alternativas alinhadas ao propósito do PNPB (diversificação da produção, aumento da renda e inserção social).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1316620 - ALCEU PEDROTTI
Externo à Instituição - EDSON DIOGO TAVARES
Interno - 2222763 - MARIA JOSE NASCIMENTO SOARES
Interno - 2178474 - ROBERTO RODRIGUES DE SOUZA
Externo à Instituição - RONISE NASCIMENTO DE ALMEIDA

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2023 - UFRN v3.5.16 -r18277-8067e35817