UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 25 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de DEFESA: MEIRYELLE PAIXAO MENEZES
13/07/2015 21:34


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MEIRYELLE PAIXAO MENEZES
DATA: 06/08/2015
HORA: 15:00
LOCAL: Miniauditório
TÍTULO: CADERNO DE LEITURA LITERÁRIA: A RECEPÇÃO PELO OLHAR DE GÊNERO
PALAVRAS-CHAVES: contos de fada, leitura literária, formação do/a leitor/a.
PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Letras
SUBÁREA: Língua Portuguesa
RESUMO:

Este Trabalho de Conclusão de Curso (TCF) está composto de uma parte dissertativa e de um Caderno pedagógico com oficinas literárias. O objetivo foi desenvolver uma prática de leitura literária voltada para a interpretação de contos infantojuvenis pelo olhar dos estudos de gênero. Para isso, foi aplicada uma pesquisa voltada para a leitura e a interpretação de textos literários no espaço escolar com ênfase para uma reflexão acerca da representação de gênero dos príncipes e princesas dos contos tradicionais. Tal pesquisa foi realizada em uma escola da Rede Estadual de Sergipe com alunos/as de uma turma de 6º Ano e pretendeu reduzir o preconceito de gênero que ainda faz parte das relações entre garotos e garotas, que repetem padrões sexistas e machistas próprios da dominação masculina. As aulas de leitura do texto literário foram voltadas para a exploração das questões de gênero no imaginário dos contos de fadas. Essas relações partem do senso comum para a repetição de preconceitos contra a mulher. Nesse contexto, foi aplicada uma proposta de trabalho com oficinas de leitura dos contos literários “Entre a espada e a rosa”, “A moça tecelã” e “Como um colar”, de Marina Colasanti, no intuito melhorar os níveis de leitura dos/as estudantes e conscientizá-los/as no tocante à discriminação de gênero na escola. Após as diversas etapas desta pesquisa, propôs-se o Caderno de leitura literária: a recepção pelo olhar gênero como um material didático construído a partir dessa experiência. Metodologicamente, dividiu-se a aplicação da pesquisa em três momentos: 1 - a formação do/a leitor/a, que foi debatido pela perspectiva de U. Eco; 2 - os métodos de leitura de A. Rouxel, C. Gomes; e 3 – a abordagem de gênero pela perspectiva de P. Bourdieu e G. Louro e E. Xavier. Durante essas oficinas, foi feita uma coleta de dados acerca da leitura e do debate sobre as diferenças entre as identidades masculina e feminina na recepção dos contos de fadas. Após a aplicação das oficinas de leituras, passou-se à construção de um caderno de leitura literária que sintetiza as principais etapas da abordagem desenvolvida nesta pesquisa. Com este caderno, espera-se contribuir para a formação de leitores/as críticos/as no intuito de conscientizar os/as discentes com relação à discriminação de gênero, objetivando formar uma sociedade mais justa e igualitária.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 95283 - CARLOS MAGNO SANTOS GOMES
Interno - 1543268 - CHRISTINA BIELINSKI RAMALHO
Externo à Instituição - ELÓDIA CARVALHO DE FORMIGA XAVIER

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16104-201f40f5e2