UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 25 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: BARBARA BRUNA FERNANDES DE ANDRADE
08/05/2015 09:46


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: BARBARA BRUNA FERNANDES DE ANDRADE
DATA: 22/05/2015
HORA: 14:00
LOCAL: sala de aula 27 Centro de Pesquisas Biomédicas/HU
TÍTULO: CONHECIMENTO SOBRE ASMA EM ADOLESCENTES.
PALAVRAS-CHAVES: Asma, adolescente, conhecimento.
PÁGINAS: 50
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Medicina
RESUMO:

Introdução: A asma é uma doença crônica cujo manejo efetivo requer uma estreita parceria entre o paciente asmático, seu médico e pais ou cuidadores. Adolescentes asmáticos apresentam certos comportamentos que dificultam o diagnóstico e o adequado controle da doença, tais como negação dos sintomas, baixa percepção da obstrução ao fluxo aéreo, falta de adesão ao tratamento ou automedicação inadequada, relação médico-paciente distante. É importante que o paciente adquira conhecimento, confiança e habilidade para assumir os cuidados com a sua doença. Estudos mostram que adolescentes asmáticos e não asmáticos, bem como seus professores desconhecem informações sobre a asma e seu tratamento. Avaliar o conhecimento sobre asma constitui o primeiro passo para se organizar uma intervenção educativa nas escolas.Objetivo: avaliar o conhecimento sobre a asma em adolescentes de escolas públicas e privadas no município de Aracaju. Métodos: Estudo transversal, de caráter descritivo realizado em 64 escolas de Aracaju com uma amostra dos adolescentes que participaram anteriormente do estudo ISAAC em 2012. Foram aplicados 3 questionários abordando a caracterização da população, o conhecimento sobre asma e a situação de controle da asma no último mês. Adolescentes asmáticos realizaram espirometria. As variáveis quantitativas foram apresentadas através de média e desvio-padrão ou mediana e quartis e, as variáveis categóricas, através de frequências simples e relativa (%). Para avaliação do nível de conhecimento do estudante foi utilizado o modelo unidimensional de 3 parâmetros de Birnbaum baseado na Teoria de Resposta ao Item (TRI). Para comparar diferentes grupos epidemiológicos e demográficos foram utilizados teste T Student, ANOVA e Mann-Whitney. Score de conhecimento e as variáveis espirométricas foram associadas utilizando-se a correlação linear de Spearman. Resultados: Avaliou-se o conhecimento sobre a asma em 355 adolescentes com idade de 14 a 17 anos, dos quais, 87 eram asmáticos. Sessenta e quatro realizaram espirometria. O score de conhecimento foi 46 (SD±12,79), considerado insuficiente. Não houve diferença no conhecimento entre asmáticos e não asmáticos (45,08 vs 45,73; p = 0,65), nem entre as instituições de ensino (45,73 particular vs 42,42 publica; p = 0,08). Adolescentes asmáticos de maior idade (r = 0,26; p = 0,035), maior escolaridade (39,78 fundamental vs 46,76 médio; p = 0,04) e de VEF1/CVF < 80% (49,73 vs 40,45 VEF1/CVF ≥ 80%; p = 0,004) demonstraram maiores scores de conhecimento. Discussão: O baixo conhecimento dos adolescentes sobre a asma indica a necessidade de medidas de educação a fim de desmistificar conceitos da doença e trazer benefícios no manejo de indivíduos asmáticos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1496951 - SILVIA DE MAGALHAES SIMOES
Interno - 426691 - MARIA LUIZA DORIA ALMEIDA
Externo ao Programa - 1050204 - ALZIRA MARIA D AVILA NERY GUIMARAES

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5