UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 02 de Fevereiro de 2023

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: AGRIPINO ALEXANDRE DOS SANTOS FILHO
16/01/2015 09:02


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: AGRIPINO ALEXANDRE DOS SANTOS FILHO
DATA: 16/01/2015
HORA: 16:00
LOCAL: Sala 02 do PRODEMA
TÍTULO: DA NATUREZA À CULTURA: TECNONATUREZA COMO NOVO PARADIGMA AMBIENTAL
PALAVRAS-CHAVES: Crise ambiental moderna. Paradigma ambiental. Tecnonatureza.
PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

O paradigma ambiental moderno foi eficiente em compreender melhor o funcionamento dos processos naturais para a promoção do bem-estar humano, mas o desvio de sua finalidade original e a sua hipertrofia esgotaram sua capacidade de identificar e resolver os problemas ecológicos que afetam as sociedades modernas, cujo acúmulo gera uma série de outros problemas, que em seu conjunto exprimem a dimensão objetiva da crise ambiental. A presente pesquisa tem como o objetivo geral enfrentar o esgotamento do paradigma ambiental moderno, sem negar as conquistas da modernidade, com vistas a contribuir para a construção de outro paradigma ambiental. Os objetivos específicos consistem na descrição do conceito de paradigma ambiental,análise da dinâmica e a estrutura da crise ambiental moderna ena proposição de um outro paradigma ambiental. O problema da pesquisa: qual outro paradigma ambiental pode ser capaz de enfrentar o esgotamento do paradigma ambiental moderno, sem negar as conquistas da modernidade?Os resultados até aqui obtidos permitem inferir que outro paradigma ambiental fundado na ideia de Tecnonatureza, como síntese entre o natural e o cultural, pode contribuir para a superação do esgotamento do paradigma ambiental moderno, reorientando as práticas sociais, com vistas a reconstrução do modelo civilizatório sob novas bases. Trata-se de uma pesquisa de natureza fundamental ou teórica, que utiliza e ométodo de abordagemhipotético-dedutivo, o método de procedimento histórico-crítico e o procedimento bibliográfico de coleta de dados, possuindo caráter interdisciplinar.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 426603 - ANTONIO CARLOS DOS SANTOS
Interno - 2222763 - MARIA JOSE NASCIMENTO SOARES
Externo ao Programa - 1821062 - ANTONIO JOSE PEREIRA FILHO
Externo ao Programa - 1698782 - LUCAS GONCALVES DA SILVA
Externo ao Programa - 1820840 - MARCOS RIBEIRO BALIEIRO

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2023 - UFRN v3.5.16 -r18291-d8b5d91c4a