UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 31 de Janeiro de 2023

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de DEFESA: ANDERSON NASCIMENTO DO VASCO
05/01/2015 08:06


Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANDERSON NASCIMENTO DO VASCO
DATA: 30/01/2015
HORA: 09:00
LOCAL: PRODEMA
TÍTULO: INDICADORES DE ALTERAÇÕES HIDROLÓGICAS: O DECLÍNIO DAS VAZÕES NO BAIXO RIO SÃO FRANCISCO.
PALAVRAS-CHAVES: Outorga, Vazão de Referencia e Recursos Hídricos.
PÁGINAS: 150
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

A avaliação do regime hidrológico constitui-se um instrumento fundamental para o processo de gestão no uso dos recursos hídricos. O crescimento da demanda de água associado a outros impactos ocorridos na bacia hidrográfica do rio São Francisco torna o conhecimento das características hidrológicas uma ferramenta importante para que o aproveitamento de seus recursos hídricos sejam otimizado com menor impacto ambiental, a análise das alterações ocorridas no baixo rio São Francisco decorrentes da implantação sucessiva de barragens ao longo dos trechos e seus efeitos ambientais são de extrema importância ao se buscar a revitalização deste curso d’água. No estudo foi analisado o comportamento hidrológico das vazões e precipitações pluviais, tomando-se como base dados observados de um posto fluviométrico e 167 estações pluviométricas com série histórica de 33 anos, além de associar aspectos ecológicos impactados com indicadores estatísticos das alterações hidrológicas. Foi obtida a precipitação pluvial média anual, a vazão média anual, a vazão máxima anual, a vazão mínima anual de sete dias de duração, vazão específica, coeficiente de escoamento superficial. Para analisar as modificações de ordem ecológica foi utilizado o método dos indicadores de alteração hidrológica (IAH) e os componentes de vazão ecológica (CVE). Após a construção da hidroelétrica de Xingó as variáveis hidrológicas foram bastante modificadas o correu decréscimo no coeficiente de dessalgue, vazão especifica, vazão mínima de sete dias e vazão média.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ADERSON SOARES ANDRADE JUNIOR
Presidente - 2177263 - ANTENOR DE OLIVEIRA AGUIAR NETTO
Externo ao Programa - 1834882 - ARIOVALDO ANTONIO TADEU LUCAS
Externo ao Programa - 2579022 - GREGORIO GUIRADA FACCIOLI
Externo ao Programa - 4178490 - INAJA FRANCISCO DE SOUSA
Externo à Instituição - MARCUS AURÉLIO SOARES CRUZ
Externo à Instituição - NEYLOR ALVES CALASANS REGO

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2023 - UFRN v3.5.16 -r18285-05ee143cb2