UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 13 de Junho de 2021


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MAYRA CRYSTIANE DE ARAGÃO BATISTA
11/02/2014 15:14


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MAYRA CRYSTIANE DE ARAGÃO BATISTA
DATA: 02/04/2014
HORA: 08:00
LOCAL: Sala de aula do LAF/UFS
TÍTULO: APLICAÇÃO DE PECTINA METIL ESTERASE E CÁLCIO EM MANGA MINIMAMENTE PROCESSADA
PALAVRAS-CHAVES: manga minimamente processada, pectina metilesterase, cálcio, firmeza
PÁGINAS: 49
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Ciência e Tecnologia de Alimentos
RESUMO:

A manga variedade Tommy Atkins tem sido amplamente utilizada no processamento mínimo. No entanto por serem altamente perecíveis, apresentam alto nível de amaciamento do tecido, ou seja, perda da firmeza, afetando assim, a qualidade da aparência e a sua vida útil. Para minimizar a perda da firmeza dos produtos minimamente processados, pode ser utilizado o cálcio (lactato de cálcio ou cloreto de cálcio) como agente firmador dos tecidos. Este projeto tem por objetivo avaliar a utilização de infusão de pectina metilesterase e de cálcio em mangas (Mangífera indica L) variedade Tommy Atkins minimamente processadas de forma a manter a integridade celular do produto. As mangas serão adquiridas com coloração na escala 4 (quantidades maiores de amarelo/vermelho do que verde). O processamento mínimo das mangas será realizado por meio da recepção/seleção, lavagem, sanitização (200ppm/10min), pré-resfriamento (10ºC/12h), retirada da casca, corte em cubos, sanitização (5ppm/3min), rinsagem, infusão, embalagem e armazenamento. Serão utilizados 5 (cinco) tratamentos: o controle (sem infusão); infusão apenas com água; infusão com solução aquosa contendo PME; infusão com solução aquosa contendo PME e Ca⁺²; e infusão com solução aquosa contendo apenas Ca⁺². A infusão será realizada utilizando bomba a vácuo numa pressão de 33kPa por 10 minutos em solução de 100ml utilizando 100g de manga em cubos. Após a infusão e a drenagem, os produtos serão acondicionados em embalagens de polipropileno, armazenadas em um expositor vertical com circulação de ar (Springer) a 5 ± 1ºC sob 78 – 82% UR por 8 dias. Nos tempos 0 (zero), 4 e 8 dias serão retiradas amostras para análises de pH, acidez, sólidos solúveis, firmeza, contaminação, frescor, danos, vitamina C, integridade celular, sólidos insolúveis em álcool, pectina total, ácido galacturônico total, atividade da pectina metilesterase, metanol e grau de metilação.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1683778 - ELMA REGINA SILVA DE ANDRADE WARTHA
Externo ao Programa - 1562875 - LUIZ FERNANDO GANASSALI DE OLIVEIRA JUNIOR
Presidente - 1460010 - MARCELO AUGUSTO GUTIERREZ CARNELOSSI

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r15368-99f189d34b