UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 19 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: CARLA CASSIA DE JESUS ALMEIDA
05/02/2014 09:35


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CARLA CASSIA DE JESUS ALMEIDA
DATA: 25/02/2014
HORA: 09:00
LOCAL: Lab. Avançado
TÍTULO: Qualitas: Um Processo de Desenvolvimento de Software Dirigido por Modelos
PALAVRAS-CHAVES: Model Driven Development, Model Driven Testing, Modelo de Processo, Qualidade de Software.
PÁGINAS: 82
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Ciência da Computação
SUBÁREA: Metodologia e Técnicas da Computação
ESPECIALIDADE: Engenharia de Software
RESUMO:

Model Driven Development (MDD) é um paradigma de desenvolvimento de produtos de software, cujo objetivo é colocar os modelos como o artefato central do processo de desenvolvimento, ao invés do código-fonte. Nos últimos anos, pesquisas na área de Engenharia de Software têm criado e adaptado definições, métodos e estruturas para a realização desse paradigma. No entanto, os modelos de processo de desenvolvimento de software, bem como, as atividades de testes envolvidas nestes modelos não são adequados e não permitem o uso efetivo desse paradigma. Tendo em vista que, a área de Engenharia de Software possui como objetivo principal, o desenvolvimento de produtos de software com qualidade, é necessário também que estes modelos de processo de desenvolvimento envolvam cada vez mais abordagens de teste de software, com o intuito de realizá-los desde as fases iniciais, visando que os erros sejam identificados e corrigidos o quanto antes, agregando qualidade ao software. Uma abordagem que faz uso de modelos no teste de software é o Model Driven Testing (MDT), a qual faz uso de práticas do MDD, através da geração automática de artefatos de teste de acordo com as regras de transformação pré-definidas a partir de modelos de desenvolvimento. Desta forma, este trabalho apresenta o Qualitas, um modelo para o desenvolvimento de software orientado a modelos, que possibilite tanto o uso de modelos quanto à efetiva integração do MDD e MDT. O modelo busca promover um maior controle das etapas e atividades do processo de desenvolvimento de software, como também, agregar qualidade aos produtos de software desenvolvidos. Uma avaliação e um estudo experimental do Qualitas foram realizados através do desenvolvimento e implementação de funcionalidades para o Sistema de Informação da Triagem Neonatal do Hospital Universitário (HU) da Universidade Federal de Sergipe (UFS), destacando as vantagens e mostrando as limitações do modelo.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2685432 - ADICINEIA APARECIDA DE OLIVEIRA
Interno - 1335451 - ALBERTO COSTA NETO
Externo à Instituição - ROHIT GHEYI

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12646-2c874e3307