UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 25 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: ADRIANA GIBARA GUIMARAES
17/01/2014 08:58


Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ADRIANA GIBARA GUIMARAES
DATA: 19/02/2014
HORA: 14:00
LOCAL: Sala de aula Centro de Pesquisas Biomédicas
TÍTULO: Efeito do carvacrol e do seu complexo de inclusão com β-ciclodextrina sobre a nocicepção induzida por células tumorais (S180) em roedores
PALAVRAS-CHAVES: Monoterpeno; carvacrol; beta-ciclodextrinas; dor; câncer; biotecnologia.
PÁGINAS: 111
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Farmácia
RESUMO:

Ao longo da história do desenvolvimento de propostas terapêuticas para o tratamento da dor, as plantas medicinais e seus metabólitos secundários tem exercido um papel fundamental. No entanto, ainda são necessárias opções terapêuticas mais eficazes para o tratamento de condições dolorosas. Neste sentido, o presente trabalho buscou avaliar o efeito do complexo de inclusão de β-ciclodextrina (β-CD) contendo carvacrol, um monoterpeno fenólico presente no óleo essencial de plantas medicinais do gênero Origanum e Thymus (Lamiaceae), sobre a nocicepção oncológica (induzida por células tumorais sarcoma 180, S180) em animais de experimentação. A tese é composta por três capítulos, constituídos de uma revisão de patentes e dois artigos científicos. Inicialmente foi elaborada a revisão “Terpenes and derivatives as a new perspective for pain treatment: a patent review”, a qual descreve as patentes sobre as propriedades analgésicas dos terpenos e as perspectivas criadas a partir destes registros. Após a realização dos protocolos experimentais foi elaborado o artigo “Evidence for the involvement of descending pain-inhibitory mechanisms in the attenuation of cancer pain induced by carvacrol, a monoterpene of Origanum oil”, no qual foi demonstrado que o carvacrol reduz a nocicepção induzida por células tumorais (S180), diminui o número de neurônios Fos positivos na lâmina I da medula lombar e ativa núcleos cerebrais envolvidos na via descendente inibitória da dor, como a substância cinzenta periaquedutal, núcleo magno da rafe, locus ceruleus. Posteriormente, foi desenvolvido e caracterizado fisico-quimicamente o complexo de inclusão constituído de β-ciclodextrina e carvacrol (CARV/β-CD) através do método de co-evaporação. A complexação do CARV foi capaz de aumentar o tempo do efeito antinociceptivo deste composto nos animais com o S180 em 15 horas e melhorar a resposta farmacológica em doses menores, além de promover nítido aumento de solubilidade e estabilidade. Estes dados compuseram a patente submetida e aprovada pelo Centro de Inovação e Transferência de Tecnologia (CINTEC – UFS) e constitui a base científica do artigo “Encapsulation of carvacrol in β-cyclodextrin improve the pharmacological response on cancer pain”. A partir destes achados é possível concluir que o efeito analgésico do carvacrol sobre a dor oncológica pode ser aprimorado pelo emprego de complexos de inclusão contendo β-ciclodextrina e pode representar um interessante objeto de novas pesquisas translacionais e ensaios clínicos a fim de que sejam obtidas as evidências clínicas necessárias para o desenvolvimento de novos medicamentos destinados ao manejo da dor associada ao câncer.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - JACKSON ROBERTO GUEDES DA SILVA ALMEIDA
Interno - 3571566 - JULLYANA DE SOUZA SIQUEIRA QUINTANS
Presidente - 1467719 - LUCINDO JOSE QUINTANS JUNIOR
Externo ao Programa - 2891169 - ROSANA DE SOUZA SIQUEIRA BARRETO
Externo à Instituição - SHEYLA ALVES RODRIGUES

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5