UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 20 de Outubro de 2020


Notícias

Banca de DEFESA: ERIKA CALDAS SILVEIRA
11/07/2013 18:02


Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ERIKA CALDAS SILVEIRA
DATA: 12/07/2013
HORA: 14:00
LOCAL: AUDITÓRIO DA BICEN
TÍTULO: ''ÁGUA DE COCO EM PÓ (ACP-113c) NA CRIOPRESERVAÇÃO DE SÊMEN HUMANO''
PALAVRAS-CHAVES: Meio de criopreservação. Água de coco em pó. Sêmen humano. Atividade funcional
PÁGINAS: 203
GRANDE ÁREA: Ciências Biológicas
ÁREA: Morfologia
SUBÁREA: Embriologia
RESUMO:

O processo de congelamento e descongelamento de espermatozoides humanos é rotineiramente utilizado em Reprodução Humana Assistida, porém não altera somente a vitalidade e motilidade dos espermatozoides, mas também causa um aumento nos danos ao DNA alterando suas funções. A água de coco (endosperma do Cocos nucifera) é uma solução de ácido fraco e estéril, que contém proteínas, sais, hidratos de carbono, vitaminas, fatores de crescimento e fosfolipídios. Água de coco em pó (ACP) foi desenvolvida e é composto de uma formulação em pó desidratado fino e uniforme, o que tem sido utilizado com sucesso, como meios de cultura para os oócitos e embriões e criopreservação de sêmen de diferentes espécies. Este estudo tem como objetivo testar a eficiência dos meios ACP-113c em sua composição única (ACP-U) e sequencial (ACP-S) (ACP Biotecnologia, Fortaleza-Ceará, Brasil) como diluentes para a criopreservação de sêmen humano em relação ao meio padrão ouro. A fim de complementar e confirmar a eficiência do meio ACP-113c para a criopreservação de sêmen humano foram avaliados os parâmetros funcionais pós-descongelamento de espermatozoides, avaliando a integridade dos componentes celulares, tais como membrana, acrossoma e potencial de atividade mitocondrial, utilizando sondas fluorescentes como ferramenta de análise. Foram comparados os resultados do meio ACP-113c em sua composição seqüencial (ACP-S), que obteve melhores resultados que o (ACP-U), com o meio comercialmente disponível, considerado padrão ouro para a criopreservação de sêmen humano Freezing Medium - Teste Yolk Buffer (TYB, Irvine Scientific, EUA). As amostras de sêmen foram criopreservadas seguindo os protocolos padrão para cada meio. As sondas fluorescentes foram associados para avaliação simultânea de membrana, integridade acrossomal e potencial de atividade mitocondrial potencial e a técnica de MSOME que é utilizada para identificar os efeitos negativos da criopreservação em espermatozoides móveis pós-descongelamento. A atividade de membrana e vitalidade foram positivamente correlacionados em ambos os meios, TYB (r = 0,612, p <0,001) e ACP-S (r = 0,450, p = 0,013). A vitalidade e a integridade do acrossoma também foram correlacionados positivamente no meio TYB (r = 0,451, p = 0,012), enquanto a integridade da membrana e motilidade foram positivamente correlacionados no meio ACP-S (r = 0,541, p = 0,002). Em MSOME, foi observada uma diferença significativa entre os grupos quanto a classificação de proporção média de espermatozoides grau I. As proporções médias de espermatozoides grau III foram superiores no meio TYB após o processo congelamento-descongelamento e, uma mesma proporção de espermatozoides grau II e IV. Apresentamos aqui um novo meio para a criopreservação de sêmen humano desenvolvido a partir de água de coco (ACP-113C), que parece resultar em uma boa recuperação de espermatozoides, quando associado a um protocolo modificado, os resultados mostraram atividade funcional semelhante em ambos os meios testados, sugerindo, portanto, que o ACP -113c na sua forma seqüencial (ACP-S) é um meio com grande potencial para a criopreservação de sêmen humano.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1690189 - EDILSON DIVINO DE ARAUJO
Interno - 2335200 - CHARLES DOS SANTOS ESTEVAM
Externo ao Programa - 481.176.765-91 - HYMERSON COSTA AZEVEDO
Externo à Instituição - JOSÉ FERREIRA NUNES
Externo à Instituição - JOSÉ CARLOS DE ANDRADE MOURA
Externo à Instituição - ISABEL BEZERRA LIMA-VERDE

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12646-2c874e3307