UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 21 de Setembro de 2021


Notícias

Banca de DEFESA: ULISSES ANDRADE SANTANA
06/02/2013 16:43


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ULISSES ANDRADE SANTANA
DATA: 25/02/2013
HORA: 14:00
LOCAL: SALA 2 NEREN
TÍTULO:

Capacidade combinatória de híbridos de pinhão-manso para caracteres agronômicos


PALAVRAS-CHAVES:

Genética quantitativa, CGC, CEC, diversidade genética


PÁGINAS: 58
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Agronomia
RESUMO:

O pinhão-manso (Jatrophacurcas L.) é uma espécie oleaginosa da família Euphorbiaceae com ampla distribuição em regiões tropicais. Aspectos da espécie, como boa qualidade de óleo e alto teor nas sementes, perenicidade e rusticidade fazem desta uma matéria-prima potencial para produção de biodiesel. Todavia, o sucesso desta iserção passa por pesquisas que vão desde a prospecção de matériais genéticos divergentes, até a seleção e obtenção de cultivares mais produtivos. Nesse contexto, esse trabalho teve por objetivo avaliar a capacidade combinatória de acessos de pinhão-manso, para caracteres de interesse agronômico, bem como, obter informações acerca de parâmetros genéticos associados a caracteres morfo-agronômicos, e investigar a correlação entre estes. O trabalho foi realizado na Fazenda experimental da UFS durante o ano de 2012 em famílias híbridas de pinhão-manso avaliadas até os 24 meses de idade. O delineamento experimental empregado foi em blocos casualizados com três repetições e parcelas compostas por seis plantas. Os caracteres avaliados foram rendimento de sementes (PR), altura de planta (AP), número de ramos secundários (NRS), número de flores femininas do racemo floral (NFF), diâmetro de caule (DC), peso de 100 sementes (P100), altura de ramificação (AR) e diâmetro de copa (DCO). A capacidade geral de combinação (CGC) foi significativa para as variáveis PR, DC, NRS e AR (Grupo 1) e para P100 e NRS (Grupo 2), enquanto a capacidade específica de combinação (CEC) foi signicativa para as variáveis NFF e NRS. Além disso, a soma de quadrados devido à CGC foi maior que a soma de quadrados devido à CEC para a maioria dos caracteres, indicando que os locos de efeito aditivo têm maior importância que os locos de efeito dominante. As estimativas consistentes dos coeficientes de variação genética permitem inferir sobre a existência de variabilidade genética significativa entre as famílias de híbridos estudadas. Os caracteres que mais contribuíram para a diversidade genética encontrada entre a populações foram,NFF (20,99%), DC (16,83%), PR (15,06%) e NRS (14,06). Altas e significativas correlações positivas genotípicas foram registradas entre (NRS), (DC), (DCO) e o rendimento de grãos (PR).


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2241349 - ARIE FITZGERALD BLANK
Externo à Instituição - JOSE LUIZ SANDES DE CARVALHO FILHO
Presidente - 2483844 - RENATA SILVA MANN

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r16088-62c448d53e