UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 25 de Outubro de 2020


PPGF

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FILOSOFIA

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

Notícias

Banca de DEFESA: IGOR FERREIRA FONTES
23/10/2020 20:44


Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IGOR FERREIRA FONTES
DATA: 16/12/2020
HORA: 14:00
LOCAL: Remota (Via Google Meet)
TÍTULO: A RELAÇÃO ENTRE COMÉRCIO E INSTITUIÇÕES REPÚBLICANAS EM MAQUIAVEL
PALAVRAS-CHAVES: Maquiavel, comércio, república, engrandecimento, expansão.
PÁGINAS: 150
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Filosofia
RESUMO:

Esta pesquisa tem por objetivo investigar, dentro da obra maquiaveliana, de que modo as instituições da República abrigariam o comércio e como este beneficiaria a República. Para a realização do trabalho, a pesquisa foi dividida em três etapas: primeiro, partindo da contraposição entre Savonarola e Maquiavel, buscou-se averiguar se Maquiavel se aproxima do pensamento savonaroliano e associa o comércio ao uso de armas mercenárias e à corrupção; segundo, buscou-verificar se Maquiavel defende a inclusão do comércio dentre as atividades desenvolvidas num estado e quais seus motivos para adotar esta posição; terceiro, pretende-se analisar seu projeto de reforma institucional para Florença a fim de verificar como as instituições republicanas incorporariam o comércio para beneficiá-lo e, desta forma, a república se beneficiar dele. Para esta pesquisa usou-se o método estruturalista como método principal; contudo, em certos momentos, fez-se necessário extrapolá-lo para se recorrer aos acontecimentos históricos e, dessa forma, melhor se compreender o pensamento maquiaveliano. Os resultados parciais alcançados até o momento da qualificação indicam que: 1) Maquiavel se distancia de Savonarola e não inclui o comércio como uma das causas do uso de armas mercenárias nem como fator de corrupção; 2) Maquiavel defende que um estado, especialmente uma república, se valha tanto da agricultura quanto do comércio porque o comércio pode servir para aumentar a população e as riquezas do estado ou ainda para sua expansão territorial.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 038.651.226-47 - FLÁVIA ROBERTA BENEVUTO
Interno - 1820840 - MARCOS FONSECA RIBEIRO BALIEIRO
Externo à Instituição - NEWTON BIGNOTTO DE SOUZA
Externo à Instituição - RICARDO VIRGILINO DA SILVA

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2020 - UFRN v3.5.16 -r12712-85cc87cea5