UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 21 de Fevereiro de 2024

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente

PROEC

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: JÉSSICA SIMÃO RODRIGUES
16/02/2024 10:18


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JÉSSICA SIMÃO RODRIGUES
DATA: 29/02/2024
HORA: 15:00
LOCAL: http://meet.google.com/gcc-mwqx-uuz
TÍTULO: ANÁLISE MECÂNICA DE VIGAS COMPÓSITAS LAMINADAS QUASE-3D DE ALTA ORDEM COM FUNÇÕES ZIG-ZAG
PALAVRAS-CHAVES: Vigas compósitas; Teoria zig-zag; Teorias de alta ordem; Teoria quase-3D.
PÁGINAS: 89
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Civil
SUBÁREA: Estruturas
ESPECIALIDADE: Mecânica das Estruturas
RESUMO:

O uso extensivo de materiais compósitos laminados em diversas aplicações da engenharia temsido impulsionado pela notável relação entre rigidez e peso, aliada à facilidade de fabricação.O presente trabalho aborda a análise mecânica de vigas compósitas laminadas quase-3D de altaordem com funções zig-zag, visando superar as limitações das teorias clássicas de vigas. Acomplexidade da análise de vigas compósitas laminadas, especialmente o fenômeno de zig-zagnos deslocamentos no plano, motiva a necessidade de abordagens mais avançadas. Buscandomitigar essas limitações e proporcionar o desenvolvimento de modelos mais precisos, foramcriadas duas formulações. A primeira formulação utiliza funções zig-zag, teorias de deformaçãopor cisalhamento de alta ordem e inclusão do efeito quase-3D. A segunda formulação introduzuma abordagem para resolver descontinuidades nas tensões de cisalhamento, calculadas pelomodelo constitutivo. A solução é desenvolvida utilizando o método analítico de Navier. Porfim, os resultados são validados comparando parâmetros, como deslocamentos, tensõesnormais, tensões transversais e tensões cisalhantes com referências da literatura.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2086309 - FABIO CARLOS DA ROCHA
Interno - 2254647 - NILMA FONTES DE ARAUJO ANDRADE
Externo à Instituição - LESLIE DARIEN PÉREZ FERNÁNDEZ

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2024 - UFRN v3.5.16 -r18960-cc43e1a90e