UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 03 de Março de 2024

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


PRODEMA

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO E MEIO AMBIENTE

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MILLENA DOS SANTOS SANTANA
01/03/2024 09:14


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MILLENA DOS SANTOS SANTANA
DATA: 27/03/2024
HORA: 08:00
LOCAL: On line, via Google Meet
TÍTULO: MILLENA DOS SANTOS SANTANA
PALAVRAS-CHAVES: Agricultura familiar, Índice de Meios de Vida, Sustentabilidade, Desenvolvimento.
PÁGINAS: 76
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

Os assentamentos rurais oriundos do movimento de reforma agrária são essenciais para a expansão e fortalecimento da agricultura familiar – a qual é essencial para o alcance do Desenvolvimento Rural Sustentável (DRS). No entanto, para que esta contribuição seja efetiva, faz-se necessário novas abordagens, instrumentos e estratégias que os conduzam a níveis de DRS mais elevados. Nesse contexto, tendo como objetos de pesquisa os Assentamentos Oito de Outubro e Vinte e Sete de Outubro, ambos localizados no município de Simão Dias/SE, o estudo objetivará analisar o Desenvolvimento Rural Sustentável em estabelecimentos rurais destes assentamentos por meio da abordagem dos meios de vida. Para tal, o estudo configurar-se-á como de caráter quanti-qualitativo, sendo composto pelas seguintes etapas metodológicas: caracterização da área pesquisada; pesquisa bibliográfica e documental; pesquisa bibliométrica; pesquisa de levantamento e análise quanti-qualitativa dos dados por meio da construção do índice de Meios de Vida (IMV) e de análise lexical. Os agricultores familiares dos dois assentamentos estudados constituirão a população de pesquisa, a qual será segmentada em dois grupos de participantes: Grupo A - composto pelos agricultores familiares assentados responsáveis pelos estabelecimentos, para os quais será direcionado um questionário semiestruturado; Grupo B – composto por informantes-chave, para os quais um roteiro de entrevista será direcionado. Por fim, espera-se identificar os ativos limitantes e potenciais dentro de cada dimensão do DRS, comparativamente entre os assentamentos, o que possibilitará indicar em qual das dimensões há uma maior fragilidade e, ao mesmo tempo, as potencialidades e seus fatores contribuidores para tal situação.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3159407 - ANA PAULA SCHERVINSKI VILLWOCK
Interno - 1807439 - JAILTON DE JESUS COSTA
Interno - 1316620 - ALCEU PEDROTTI
Externo à Instituição - ALESSANDRA MATTE

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2024 - UFRN v3.5.16 -r18988-33b839e988